Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 22 - quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

Mural

Jornalismo exercido pela própria população

Deixe sua notícia neste Mural, clique aqui para enviar
<< Próxima Página

Mensagem N°85270
De: Afonso Cláudio Data: Quinta 12/11/2020 08:46:07
Cidade: Montes Claros/MG

Mensagem 85266 - devo dizer que a minha sugestão para que os consumidores evitem ligar simultaneamente muitos aparelhos de ar condicionado, no horário de demanda máxima do sistema elétrico é exatamente porque a capacidade de suprimento da CEMIG em Montes Claros tem limitações, sendo assunto das minhas mensagens 82154, de 2/2/2017, e 82591, de 11/8/2017, por exemplo. Por outro lado, se os órgãos de Planejamento da Concessionária definem quais as obras necessárias à ampliação da potência instalada nas malhas de Montes Claros e outras regiões, e isto é adiado por muitos anos, os índices de interrupções e a Qualidade do Serviço deixam a desejar, contribuindo para que a CEMIG ocupe posições indesejáveis pelos seus profissionais e consumidores, como o 20o. (vigésimo) lugar no Ranking da ANEEL em 2019, entre 29 Concessionárias de Grande Porte do Sistema Elétrico brasileiro, como citei na mensagem 84710, de 5/5/2020 e em várias análises anteriores, relativas a aspectos técnicos e gerenciais, de minha autoria, publicadas neste Mural. Afonso Cláudio de Souza Guimarães - Engenheiro Eletricista

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85269
De: Afonso Cláudio Data: Quinta 12/11/2020 10:53:48
Cidade: Montes Claros/MG

Bloqueio na BR-135 - pela segunda vez, em um intervalo de 81 dias, viajando pela BR-135, de Montes Claros para BH, fomos bloqueados por enorme fila de veículos, no mesmo local citado na mensagem 85018, de 24/8/2020, no km 578. Desta vez, a duração do bloqueio foi de 3h6m, entre 10h21m e 13h27m de ontem, sob um sol causticante e temperatura de 35 oC. Motivo: carreta ficou atravessada na pista simples e derramou minério na mesma, após acidente do qual participaram outros dois veículos. Duas pessoas de Corinto, que trabalham próximo ao local do acidente, disseram que "isto acontece quase todo dia". Mais uma vez fica evidenciada a necessidade de se agilizar a liberação da pista, devido ao risco de outros acidentes (principalmente devido à enorme quantidade de veículos de grande porte, como carretas, bi-trens, tri-trens, cegonheiras etc) assaltos e danos à saúde dos usuários da BR, até mesmo por causa da pandemia do coronavírus, principalmente para quem é dos grupos de risco, apesar dos R$43,00 de pedágio que pagamos entre M. Claros e BH. - Afonso Cláudio de Souza Guimarães. ..

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85268
De: Manoel Hygino Data: Quarta 11/11/2020 08:08:43
Cidade: Belo Horizonte

Efeitos da Covid

Manoel Hygino

Se contado, muitos duvidariam, certamente. Mas, é fato. A Academia Montes-Clarense de Letras, por proposta do acadêmico Édson Ferreira Andrade, abriu um concurso de poesias neste ano, para quem desejasse ver sua criação em uma antologia, tendo como mote a pandemia do coronavírus. Poder-se-ia pensar que se tratasse de promoção sem maior repercussão.
Não foi, contudo. Segundo a presidente da AML, Maria da Glória Caxito Mameluque, chegaram-lhe 977 colaborações, procedentes de distantes cidades e regiões. A comissão julgadora, composta – além dos mencionados – pelas acadêmicas Karla Celene Campos e Ivana Ferrante Rebello, se surpreendeu:
O primeiro texto recebido era de uma brasileira residente em Wevey, na Suíça, bela cidade às margens do Lago Geneve, onde nasceu a Nestlé, em 1867. Lá viveu Charles Chaplin, durante 25 anos, até a morte, repousando seus restos no cemitério local, sua casa transformada em museu. Não era só. Outro poema chegara do Japão, da brasileira Edweine Loureiro, nascida em Manaus e residente na capital nipônica.
A Antologia Nacional de Poesias, assim, superou as expectativas, evidenciando prestígio do sodalício que a organizou e, além disso, demonstrando a importância de Montes Claros, uma cidade do sertão mineiro, no cenário literário do país. Se fosse necessário mais do que a presença de dois de seus escritores na Casa de Machado de Assis: Darcy Ribeiro e Cyro dos Anjos.
Outros há que poderiam lá estar. Digno de nota é revelar o que Montes Claros significa nesta nação de mais de 200 milhões de habitantes. Além do mais, a sua Academia, chegando aos 54 anos, ganha fôlego jovial, ousa desafiadores voos, e conquista novos espaços, como salienta Karla Celene Campos, e reafirmando que “a vida, matéria-prima do poeta, manifestou-se, pois o chamado da poesia singrou espaços, destruiu barreiras, marcadas pelo isolamento social, impostas pela quarentena”, como registrou a professora Ivana Ferrante Rebello.
Em verdade, o norte-mineiro não para, não se cala, revela-se a cada dia e hora. Bastaria conhecer mais de perto a produção de suas entidades no campo das letras e das artes.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85267
De: Policia Militar Data: Quarta 11/11/2020 10:39:49
Cidade: Montes Claros

(...) BRASÍLIA DE MINAS – A Polícia Militar, nesta data, 11, por volta das 01h25min, compareceu na Av. Brasil, bairro Cristina Rocha, em Brasília de Minas, em um estabelecimento comercial, onde deparam com a vítima, posteriormente identificada, homem de 31 anos, caída ao solo, na posição decúbito dorsal, já sem sinais vitais. Equipe do SAMU compareceu ao local onde o médico atestou o óbito. Perícia compareceu ao local, realizou os serviços, recolheu 11 (onze) cápsulas de pistola calibre .380, todas deflagradas, e constatou que o corpo da vítima apresentava 09 (nove) perfurações provenientes de arma de fogo, sendo 02 (duas) no ombro esquerdo; 01 (uma) no antebraço esquerdo; 01 (uma) na lateral esquerda do tórax; 01 (uma) cotovelo direito; 02 (duas) na região lombar inferior e 02 (duas) no glúteo. Segundo uma testemunha, estava no estabelecimento, sentado próximo a vítima, quando, subitamente, um indivíduo, usando capacete, chegou ao local e efetuou os disparos contra a vítima, e, em seguida, evadiu e não conseguiu identificá-lo. Segundo informações de familiares a vítima teria uma suposta desavença com um indivíduo, provavelmente por disputa de venda de drogas. Foi realizado intenso rastreamento, inclusive com operação cerco, bloqueio e interceptação, contudo, o autor ainda não foi localizado.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85266
De: Raimundo Data: Quarta 11/11/2020 10:02:39
Cidade: M. Claros

M. Claros: "Sobrecarga da rede de distribuição na ponta do sistema elétrico . Entre 13h45m e 14h30m (...) houve 7 ou 8 interrupções de fornecimento de energia elétrica em minha residência, com duração de cerca de 10 segundos cada e com religamentos automáticos"

Já há mais de 5 anos que especialistas advertem: o fornecimento de energia elétrica em M. Claros está no limite. Está no talo. Sofrem os consumidores, com piques e variado de energia a todo momento. Não há equipamento que suporte. (....) E é....a melhor energia do Brasil.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85265
De: Manoel Hygino Data: Quarta 11/11/2020 08:10:29
Cidade: Belo Horizonte

Desde o princípio

Manoel Hygino

Em 3 de dezembro de 1870, um dia após o aniversário de dom Pedro II, circulou pela primeira vez o jornal “A República”, trazendo um manifesto francamente republicano, como se havia de esperar, sob a direção de Saldanha Marinho. Evidentemente no Rio de Janeiro, a capital nacional.
Os homens do governo viram na folha um elemento perturbador da ordem. De fato, houve reação.
Em 27 de fevereiro de 1972, por exemplo, reuniam-se na redação vários republicanos, na rua do Ouvidor, 152, sobrado, quando um grupo de desordeiros e desocupados, postados em atitude hostil, gritava vivas à monarquia, ao Ministério Rio Branco e ao imperador.
Uma pedra é atirada contra a vidraça de uma das janelas; em seguida, outra; e, depois, muitas mais. Um indivíduo mais exaltado, sobe as grades da janela e passa tinta preta sobre a tabuleta do jornal. A Polícia foi chamada, mas quando chegou tudo se consumara.
Segundo constou e percorreu a cidade a boca pequena, os bagunceiros eram assalariados da própria Polícia e nada sofreram. O caso repercutiu na Câmara dos Deputados e o veemente parlamentar Ferreira Viana afirmou que o assalto tivera permissão das autoridades, tendo a Polícia mandado enfeitar a frente do prédio.
O jornal durou pouco. Em 28 de fevereiro de 1872, saiu a última edição, mas deixou claro que fora um dos mais árduos adversários do ministério Rio Branco, principalmente depois do ataque sofrido. Nenhum de seus colaboradores, contudo, foi perseguido.
O manifesto do Partido Republicano completa 150 anos, em 3 de dezembro que vem aí. Nele, denunciavam-se a imprevidência, as contradições, os erros e as usurpações governamentais, influindo sobre os negócios externos e internos, criando “uma situação deplorável, em que as inteligências e os caracteres pareciam fatalmente obliterados por um funesto eclipse”.
No documento, afirmava-se que “o mecanismo social e político, sem o eixo sobre que devia girar, isto é, a vontade do povo, ficou girando em torno de outro eixo, à vontade de um homem”. A crítica permanece válida, porque se o sistema de governo mudou, se os governantes são outros, em outra época, o vício se mantém sólido.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85264
De: José Ponciano Neto Data: Terça 10/11/2020 17:31:12
Cidade: Montes Claros- MG  País: Brasil

PARQUE GUIMARÃES ROSA E JORGE “BODÃO” TADEU GUIMARÃES.

Situado na parte Oeste da cidade, o Parque linear Guimarães Rosa margeia o serpenteado Rio Vieira.
Esta Unidade de Conservação de Uso Sustentável é gerenciada pela Secretaria do Meio Ambiente de Montes Claros desde sua criação. O Parque Guimarães Rosa desempenha papel essencial na estruturação da paisagem urbana naquela parte da cidade, consolidando uma conexão entre seus variados usos. Para os frequentadores do local não restando dúvida na qualidade de vida.

Depois deste preâmbulo, na verdade quero destacar aqui, o idealizador do Parque Guimarães Rosa: O Escritor, compositor, músico, historiador e ex Secretário de Serviços Urbano, Sr. Jorge Tadeu Guimarães, meu colega (não de sala) de Colégio Marista São José. - Simplesmente o Jorge “Bodão”.
Jorge Tadeu Guimarães foi o idealizador do Parque Sapucaia na Serra dos Montes Claros – ambos nos anos 80 e 90 nas administrações de dois mandatos do então executivo Tadeu Leite.

Nas duas ocasiões Jorge Tadeu Guimarães entendeu que a população urbana de Montes Claros necessitava de mais espaços livres e áreas verdes para sua recreação e lazer, onde todos pudessem ter um contato com a natureza ou praticar alguma atividade física.

Na criação do Parque Guimarães, o então secretário Jorge Tadeu me solicitou muitas mudas para recuperar (revitalizar) parte do Parque que fica no Bairro Ibituruna – hoje esta ilha recreativa recebeu o nome de “Sagarana”. Naquele local, a degradação se deu devido à movimentação do maquinário da empresa que tinha principiado a construção o canal de concreto do Rio Vieira.

O secretário de serviços urbano Jorge Tadeu sempre mantinha sua atenção voltada para o meio ambiente – recuperou toda a área com varias mudas dos viveiros da prefeitura – IEF e Copasa. As espécies nativas foram às pioneiras. Logo construíram algumas trilhas na terra à beira do rio vieira até a Praça dos Jatobás – ainda não existia a Avenida José Correia Machado. Parte do cercamento foi feito através de doações. Passados muitos anos, pessoas andaram plantando algumas mudas no local, mas, sem os critérios técnicos, com isso quase todas pereceram.

Ainda sobre o Parque Guimarães Rosa, quero destacar a expedição: PELOS CAMINHOS DO RIO VIEIRA (1999) organizada pelas professoras: Profª Mariangela Praes Azevedo (bióloga) e a Profª Maria de Lourdes Matos (NTEMG7) através do PROJETO RIVER WALK com recursos e apoio logístico da Michigan University / USA.

Nesta expedição percorremos o Rio Viera da nascente a sua foz no Rio Verde Grande na localidade de Canaci. Na ocasião foram plantadas centenas de mudas à beira do Rio Vieira e no Parque Guimarães Rosa (hoje “Sagarana”). Foi uma festa com vários alunos das escolas! Todo diagnóstico da expedição foi enviado para a Michigan University / USA – Unimontes e Copasa.

O Jorge Tadeu Guimarães escreveu o livro “Inhaúmas” que lhe deu o direito de participar do Concurso de Contos “Guimarães Rosa”, em 1997 promovido pela Radio France Internacionale – Paris – França.

O escritor – musico – compositor Jorge Tadeu Guimarães deixou este plano em Maio de 2004 deixando a esposa e quatro filhos, Samuel; Ramon; Maria e o Xavier. No Grupo Raízes, Jorge (Bodão) Guimarães deixou um legado – era um grande artista, um colaborador.

Jorge Tadeu Guimarães merecia que seu nome fosse dado ao Parque “Sagarana”. Até por que muitas pessoas não conhecem ou já ouviram falar no livro Sagarana de Guimarães Rosa!

Foi escrito a história do Parque Guimarães Rosa – que, por ironia do destino, muitas árvores foram suprimidas para dar lugar ao Centro Ambiental e um prolongamento de uma rua – deixando sua ponta de lazer no Bairro Ibituruna. - Faz parte do progresso!

A saga continua. Muitos ilustres SÃO esquecidos e suas histórias NÃO contadas.

Jorge “Bodão” Guimarães sempre será lembrado, não somente por ter sido o idealizador dos Parques: Sapucaia e Guimarães Rosa e o espaço hoje “Sagarana” – mas, também, pelas suas atividades artístico-culturais.

10-XI-2020
(*) José Ponciano Neto foi palestrante na expedição PELOS CAMINHOS DO RIO VIEIRA – Membro do Instituto Histórico e Geográfico de Montes Claros – Vice-presidente da Academia Maçônica do Norte de Minas.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85263
De: Afonso Cláudio Data: Terça 10/11/2020 16:46:46
Cidade: Montes Claros/MG

Sobrecarga da rede de distribuição na ponta do sistema elétrico . Entre 13h45m e 14h30m, aproximadamente, de hoje, houve 7 ou 8 interrupções de fornecimento de energia elétrica em minha residência, com duração de cerca de 10 segundos cada e com religamentos automáticos. Considerando a temperatura bem elevada na cidade, nesse horário, de 32 a 33 oC, a tendência dos consumidores é contribuírem para um aumento excessivo da demanda de energia, ligando mais aparelhos de ar condicionado, que consomem valores de kWh da ordem de 10 vezes os dos ventiladores. Este fato tem influenciado na mudança do horário de pico de carga do Sistema Elétrico brasileiro, que era por volta de 17 às 19h e ultimamente vem ocorrendo das 13 às 15h, devido às mudanças de hábitos dos consumidores e às do clima. Assim sendo, sugiro que, na medida das possibilidades e conveniências de cada unidade consumidora, seus usuários evitem ligar simultaneamente muitos aparelhos de ar-condicionado e os substitua, ao todo ou em parte, por ventiladores, que consomem cerca de um décimo da energia dos condicionadores, no horário de maior demanda do sistema elétrico, ou seja, das 13 às 15h, quando a temperatura atinge o máximo diário, o que beneficiará a comunidade e o desempenho da rede de distribuição da CEMIG. Afonso Cláudio de Souza Guimarães -Engenheiro Eletricista

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85262
De: Policia Militar Data: Terça 10/11/2020 10:58:59
Cidade: Montes Claros

(...) MONTES CLAROS – A Polícia Militar, ontem 9, por volta das 09h39min, compareceu na rua Bernadino Souto, bairro Alto São João, nesta cidade, onde, segundo uma testemunha e da vítima, homem de 31 anos, estavam no interior da farmácia, quando adentraram 02 (dois) indivíduos com as mãos na cintura, simulando estarem armados, tendo um deles anunciado o assalto e sob ameaças exigiu que lhe passassem o dinheiro do caixa; em seguida adentraram ao escritório e subtraíram várias notas que se encontravam sobre a mesa, bem como a aliança de casamento da vítima; após o roubo evadiram a pé, e, logo à frente, adentraram no veículo GM Monza, cor cinza, placa JNS-(...). Ainda segundo a vítima pegou carona com um vizinho que passava pelo local e seguiu os autores até a Vila Castelo Branco, onde, temendo por sua segurança, resolveu aguardar a chegada da PM. No local os policiais militares realizaram o cerco e bloqueio, intensificaram o patrulhamento nas imediações; durante o patrulhamento localizaram o veículo que utilizaram na fuga. Durante as buscas pelo local localizaram vestimentas utilizadas pelos autores, bem como recibos emitidos pela caixa registradora da farmácia. Consultado o sistema localizaram o proprietário do veículo, o qual foi abordado e identificado, que, ao ser informado, alegou que havia negociado o veículo com outro indivíduo, também localizado, abordado e identificado, que, confirmou a negociação, contudo, informou que havia emprestado o seu veículo para seu vizinho, identificado, 22 anos, que, até aquele momento não havia recebido o veículo de volta; ao lhe ser mostrado o vídeo com as imagens dos autores, este reconheceu o indivíduo de 22 anos, como sendo um deles. O veículo foi apreendido e removido ao pátio conveniado. Foi realizado intenso rastreamento, contudo, o indivíduo não foi localizado.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85261
De: Policia Militar Data: Terça 10/11/2020 10:58:16
Cidade: Montes Claros

(...) MONTES CLAROS – A Polícia Militar, ontem 9, por volta das 20h23min, durante patrulhamento foi acionada um motorista de aplicativo que relatou haver transportado um indivíduo ao bairro Cristo Rei, nesta cidade, onde o passageiro, posteriormente identificado, 32 anos, teria contatado com uma senhora, idosa, vítima, na rua Henrique de Oliva Brasil, bairro Cristo Rei, e se apresentado como “Ricardo”, nome diferente do cadastrado no aplicativo, e, em seguida, o teria deixado na Caixa Econômica Federal, com um envelope que ele teria recebido da idosa. De posse das informações os policiais militares deslocaram à agência citada, onde localizaram, abordaram e identificaram o indivíduo suspeito que utilizava metade de um cartão, cor azul, do referido banco, no local apropriado para inserir cartões no caixa eletrônico. Ao ser questionado confessou ser oriundo do Estado de São Paulo e estava na cidade para aplicar golpes. Em contato coma vítima, identificada, mulher de 61 anos, que deslocou à agência e, de imediato, reconheceu o indivíduo como sendo o que foi à sua residência. Ao ser questionada informou que por volta das 15h00min, recebeu uma ligação de pessoas que se apresentou como funcionária da Caixa Econômica Federal relatando que havia ocorrido uma compra com o seu cartão de crédito no valor de R$2.375,33 (dois mil, trezentos e setenta e cinco reais e trinta e três centavos), tendo esta informado que desconhecia a compra, sendo informada era necessário que ela fizesse uma ligação no 0800 do Banco para receber orientações de como cancelar o cartão; que ao fazer contato no 0800 foi orientada por duas atendentes, em ligações distintas, informando que ela redigisse uma carta, de próprio punho, solicitando o bloqueio do cartão e enviasse, por envelope lacrado, com a metade do cartão, "lado do chip", por um funcionário da CEF que apanharia em sua residência, tendo comparecido à sua residência um indivíduo, portando crachá com descrição do banco, se identificando como Ricardo Ferreira Gomes, com funcional com a foto do indivíduo. Em continuidade às diligências, os policiais militares deslocaram em um hotel, onde o indivíduo, estaria hospedado; no local, durante as buscas, localizaram e apreenderam 08 (oito) máquinas de cartões, 01 (um) aparelho celular, 01 (um) carregador portátil, 01 (um) crachá de identificação, R$226,40 (duzentos e vinte e seis reais), em dinheiro, e o pedaço do cartão, cor azul. O indivíduo foi preso e conduzido a DP, com os materiais apreendidos.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85260
De: Afonso Cláudio Data: Segunda 9/11/2020 19:36:56
Cidade: Montes Claros/MG

"9/11/1944 - Morre em ação, nas operações do rio Reno, Itália, Geraldo Martins de Sant’Ana, Cabo da Força Expedicionária Brasileira. Nasceu em Montes Claros, a 29 de março de 1922, filho de Antônio Martins de Sant’Ana Primo e dona Josefina Cândida Sant’Ana..." Há 76 anos, nos campos gelados da Itália, um jovem montesclarense deu a sua vida pela liberdade, pela democracia e pela paz mundial, quando os países Aliados se uniram para derrotar os regimes que pretendiam escravizar a humanidade, impondo a supremacia racial, a ocupação e o domínio de nações livres. Ele será sempre lembrado pelos brasileiros, em particular pelos montesclarenses, bem como os demais brasileiros que lutaram naquele conflito.
Montes Claros homenageia os 76 anos da morte do seu herói da II Guerra Mundial e aqui relembramos trecho da carta escrita pelo Sr. Antônio Martins de Santana Primo, seu pai, em 28/10/1944, conforme a mensagem 75132, de 15/4/2013, publicada neste Mural:
"..., não queiras ter maus pensamentos e jamais haja em tua pessoa o desespero.
Seja também calmo. Porque todos nós temos que morrer um dia; logo, é desnecessário e mesmo indecente o desespero.
Muitos se enganam com a morte.
Ela não causa assombro a ninguém, porém enobrece a muitos. Se for preciso, morre em honra da Pátria e viverás eternamente. A tua lembrança ficará sempre conosco.
Um conselho: conserve sempre a tua fé em Deus e jamais a deixe seduzir por outrem. Todos nós estamos indo bem graças a Deus..."

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85259
De: Corpo de Bombeiros Data: Segunda 9/11/2020 13:01:24
Cidade: Montes Claros

MONTES CLAROS - (...) Na manhã desta segunda-feira (09/11/2020), por volta das 09h00min, equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas para atendimento de ocorrência de colisão entre automóveis na BR 251, Km 518.
No local, foi constatado que se tratava de uma colisão lateral entre um automóvel (04 passageiros e 01 condutor) e outro automóvel (01 condutor). O acidente ocasionou 05 vítimas de um mesmo veículo sendo 02 fatais (retidas dentro do veículo), duas estavam fora do automóvel conscientes e orientadas e outra em estado grave. Equipes do SAMU (USA 02 e USB 03) já estavam no local e prestavam socorro às vítimas. O motorista do outro veículo estava consciente e orientado e foi assistido por uma guarnição do Corpo de Bombeiros. Após os primeiros atendimentos, as vítimas foram conduzidas para o Hospital Santa Casa e Hospital Universitário em Montes Claros. Uma equipe da PRF, também presente na cena, realizava o controle do fluxo de veículos.
Posteriormente, a Polícia Civil compareceu ao local e realizou a Perícia. Em seguida a Guarnição BM fez a retirada das vítimas em óbito (E.G.S e D.R.P.), sendo as mesmas repassadas a Funerária de Plantão.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85258
De: Policia Militar Data: Segunda 9/11/2020 09:37:07
Cidade: Montes Claros

MONTES CLAROS – A Polícia Militar, ontem, 8, por volta das 00h18min, compareceu na Av. Governador Magalhães Pinto, bairro Jaraguá, nesta cidade, (estrada que dá acesso ao complexo de Condomínio Pampulha Tennis Residence) onde, segundo informações, ocorrera um acidente de trânsito com vítima fatal. No local os policiais militares depararam com a vítima fatal, identificada, homem de 21 anos, condutor do veículo Fiat Pálio, placa HHY-5640, caída ao solo, próximo ao veículo, que se encontrava capotado. Equipe do SAMU compareceu ao local e atestou o óbito. Segundo a outra vítima, passageiro do veículo, identificada, também 21 anos, seguiam em direção a Av. Governador Magalhães Pinto, retornando de um evento no Complexo de Condomínio, quando o condutor perdeu o controle direcional do veículo, bateu a roda no meio-fio, lado direito da via, e capotou, por várias vezes, chocando-se contra a cerca de um imóvel. A vítima, passageiro, que não sofreu lesões, foi atendida por equipe do SAMU. Perícia acionada, compareceu ao local, realizou os trabalhos de praxe, relatou que há possibilidade do veículo ter chocado contra uma árvore, antes de capotar e chocar contra a cerca, e liberou o corpo da vítima fatal ao serviço funerário. O veículo, por se encontrar em situação regular e ser o seu condutor habilitado, foi liberado, ficando sob a responsabilidade/guarda de parente da vítima.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85257
De: Policia Militar Data: Segunda 9/11/2020 09:35:08
Cidade: Montes Claros

POLÍCIA MILITAR PRENDE INDIVÍDUO E APREENDE MENOR
INFRATOR POR ENVOLVIMENTO EM HOMICÍDIO TENTADO
MONTES CLAROS – A Polícia Militar, ontem, 8, por volta das 18h46min, durante patrulhamento recebeu informações/denúncia que na rua Rio Pardo, bairro Alto São João, nesta cidade, havia uma vítima de homicídio tentado. De posse das informações os policiais militares deslocaram ao local onde depararam com a vítima, identificada, homem de 19 anos, caída ao solo com 03 (três) perfurações provenientes de instrumento perfuro cortante, 02 (dois) na região abdominal e 01 (um) na região lombar. Ao ser questionada a vítima relatou que chegava em sua residência, com sua namorada, quando depararam com um indivíduo, identificado, menor infrator de 17 anos, e um outro, também identificado, 34 anos, tirando fotos da fachada da sua residência, que diante da situação, foi tirar satisfação daquela conduta, ocasião em que entrou em luta corporal com o menor em conflito com a lei; que, durante a confusão, foi golpeado com 01 (uma) faca, por 02 (duas) vezes, pelo indivíduo que acompanhava o menor, momento em que caiu ao solo, tendo o indivíduo maior e o menor infrator evadido do local em uma motocicleta Honda Titan, tomando rumo ignorado. A vítima foi socorrida por equipe do SAMU e conduzida ao HPS. De posse das informações, durante o patrulhamento/rastreamento o menor infrator foi localizado e apreendido na rua Bolívia, bairro independência; ao ser questionado forneceu o nome de seu tio, 34 anos, apontando-o como sendo a pessoa que estava com ele no local do crime; ao ser localizado e questionado assumiu ter ido ao local com seu sobrinho e que pilotava a motocicleta utilizada na fuga, afirmando ser um veículo emprestado por um amigo. A faca utilizada no ato delituoso foi localizada e apreendida. O indivíduo, maior, foi preso, o menor infrator foi apreendido e conduzidos a DP, com a faca também apreendida.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85256
De: Corpo de Bombeiros Data: Segunda 9/11/2020 09:29:33
Cidade: Montes Claros

SALINAS - 8° PELOTÃO DE SALINAS REALIZA RESGATE DE ONÇA ATROPELADA
Na noite deste domingo (08/11), o Pelotão de Salinas, atendeu a uma ocorrência de atropelamento motocicleta x animal.
Uma onça foi atropelada na LMG 626, próximo à entrada da cidade de Curral de Dentro. O condutor sofreu ferimentos leves, dispensando atendimento médico. O felino sofreu ferimentos na região das pata dianteira esquerda, sendo imobilizado e conduzido para a sede do 8°Pelotão BM em Salinas, para primeiras providências veterinárias, para posterior condução CETAS (Centro de Triagem de Animais Silvestres) de Montes Claros, com o objetivo de ser tratado e reintroduzido ao meio ambiente. ASCOM/7°BBM

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85255
De: Estado de Minas Data: Domingo 8/11/2020 11:16:53
Cidade: BH

Preferidos nas intenções de voto podem levar 6 prefeituras no 1º turno - Das cidades de Minas sujeitas ao pleito em duas etapas, BH, Betim, Neves, Uberlândia e Montes Claros poderão reeleger prefeitos no dia 15. Contagem também deve decidir no próximo domingo - Luiz Ribeiro - 08/11/2020 09:43
Em BH, pesquisa mais recente do Instituto Datafolha indica que o prefeito Alexandre Kalil (PSD) conta com 65% das intenções de voto, enquanto o segundo colocado, João Vitor Xavier (Cidadania), tem 7%.
Em BH, pesquisa mais recente do Instituto Datafolha indica que o prefeito Alexandre Kalil (PSD) conta com 65% das intenções de voto, enquanto o segundo colocado, João Vitor Xavier (Cidadania), tem 7%
Minas Gerais tem nove cidades com mais de 200 mil eleitores, sujeitas à eleição para prefeito e vice-prefeito em dois turnos. Desse universo, em seis delas a escolha dos novos gestores poderá ser resolvida já no primeiro turno, no próximo domingo, com um dos candidatos alcançando 50% dos votos válidos mais um, de acordo com as pesquisas de intenção de voto. Os chefes do Executivo de grandes cidades mineiras que concorrem a novo mandato tendem a ser favorecidos pela avaliação do desempenho deles ao conduzir as medidas de combate à pandemia do novo coronavírus.
A deputada estadual Marília Campos (PT) lidera com folga a disputa em Contagem, na Região Metropolitana de BH(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press - 10/6/20)
A deputada estadual Marília Campos (PT) lidera com folga a disputa em Contagem, na Região Metropolitana de BH
(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press - 10/6/20)
Prefeitos de seis municípios do estado com mais de 200 mil eleitores concorrem à reeleição. Cinco deles têm chances de liquidar a fatura no primeiro turno, se as pesquisas e os analistas políticos estiverem corretos. Além de Alexandre Kalil (PSD), em Belo Horizonte, estão em situação confortável frente aos concorrentes Vitório Medioli (PSD), em Betim, e Juninho Martins (DEM), em Ribeirão das Neves, ambos municípios da região metropolitana da capial; Odelmo Leão (PP), de Uberlândia, no Triângulo Mineiro; e Humberto Souto (Cidadania), de Montes Claros, no Norte de Minas.
Fila em cartório de Ribeirão das Neves, na Grande BH, onde a probabilidade é de que as eleições se estendam ao segundo turno
Integra também o time dos candidatos dos maiores colégios eleitorais do estado com possibilidade de vencerem o páreo no próximo domingo a deputada estadual Marília Campos (PT), que, de acordo com as pesquisas, lidera com folga a corrida à Prefeitura de Contagem, na Grande BH. O atual prefeito do município, Alex Freitas (sem partido), não concorre a um segundo mandato.
Na reta final das campanhas, os candidatos que estão no bloco do segundo pelotão nas pesquisas de intenção de voto dessas cidades deverão aproveitar ao máximo o tempo que resta e intensificar a caça aos eleitores para “empurrar” a disputa para o segundo turno, no dia 29. Por causa das restrições impostas pela COVID-19, os concorrentes a prefeito das cidades-polo têm recorrido às redes sociais e ao horário gratuito da propaganda eleitoral no rádio e na televisão para divulgar suas propostas. Mas, isso não tem impedido a realização de carreatas e caminhadas em busca de votos, com o uso de máscaras de proteção e outras medidas para impedir a propagação do vírus.
As três cidades mineiras em que há mais probabilidade de definição dos prefeito e vice-prefeito só no segundo turno são Uberaba (Triângulo), Juiz de Fora (Zona da Mata) e Governador Valadares (Leste do estado). Nesta última, o chefe do Executivo municipal, André Merlo (PSDB), tenta se manter no cargo. Em agosto, o prefeito de Juiz de Fora, Antônio Almas (PSDB), decidiu não disputar a reeleição, e em Uberaba, Paulo Piau (MDB) já está no segundo mandato à frente da prefeitura e, por isso, não pode concorrer neste ano.
(...)

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85254
De: Afonso Cláudio Data: Domingo 8/11/2020 11:07:00
Cidade: Montes Claros/MG

Mensagem 85253 - muito obrigado, caríssimo Felisberto, pela amizade sincera e sólida comigo e minha família. Realmente saudade, família e amor são mesmo interligados divinamente. Grande e afetuoso abraço para você também e sua família.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85253
De: Felisberto Data: Sábado 7/11/2020 21:50:15
Cidade: Goiânia

Carissimo Afonso Claudio
Que emoçao essa sua mensagem sobre o seu pai Pedro Prates Guimaraes. Participei um pouco da vida do seu pai ai em Moc, quando do exercicio da advocacia.
Homem probo, correto, serio, apesar das ferradas. Ferradas estas inofensivas,
Frequentavamos o armazem do Sr. Nilson, onde muitas vezes
nos deliciamos com as suas brincadeiras. Lembro-me de muitas .

Sempre bem humorado, levava a vida com muita alegria, contagiando a todos que o cercavam.
Belos tempos, belos e inesquecíveis dias.
Lembrança e saudade eternas do seu pai.
Saudade é o amor que fica. So nao tem saudade quem nunca amou.
Um grande e afetuoso abraço para voce e suafamilia.



Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85252
De: Afonso Cláudio Data: Sábado 7/11/2020 18:13:40
Cidade: Montes Claros/MG

Homenagem a Pedro Prates Guimarães

Vem da história de Montes Claros: "26/3/1923 - Nasce em Montes Claros, Pedro Prates Guimarães, filho de Augusto Soares Guimaraes e dona Alda Prates Guimarães. Exerceu as funções de Prefeito Municipal de São João da Ponte, nomeado por ato do Governo, de 30/12/1946. Foi Juiz de Paz do distrito de Montes Claros e é o 2o. Tabelião e Escrivão do Judicial e Notas desta cidade." - de "Efemérides Montesclarenses", de autoria do Dr. Nelson Vianna, editado em 1964.

Todos nós, humanos, temos virtudes e defeitos, mas quando queremos homenagear um amigo, normalmente destacamos suas vitórias, obras, êxitos e eu não serei diferente. Na minha admiração e gratidão a meu pai, Pedro Prates Guimarães, destaco:
- sua seriedade e persistência no trabalho honesto e, com minha mãe, na orientação e formação ética, moral e religiosa e criação dos filhos, sempre nos apoiando em momentos decisivos e importantes como os relativos, por exemplo, à educação, saúde e trabalho. - enorme capacidade de manter excelentes relacionamentos, desde os com as pessoas mais simples e humildes às mais influentes da Justiça e da sociedade. - - - descendente de excelentes músicos (Dona Eva Bárbara Teixeira de Carvalho, Professor Pedro Augusto Teixeira Guimarães e Augusto Soares Guimarães, por exemplo), foi corneteiro de primeira classe do Exército do Brasil, quando foi contemporâneo do herói montesclarense Cabo Santana, servindo em Belo Horizonte, São João del Rey e Vitória, na década de 40, século XX. Tinha grande sensibilidade e bom gosto musical, sendo muito admirador de tenores italianos como Mário Lanza (ítalo-americano, 1920-1958), Tito Schipa (1888-1965), Enrico Caruso (1873-1921), Luciano Pavarotti (1925-2007) e Andrea Bocelli. Era fã também de grandes cantores e compositores brasileiros como Francisco Alves, Orlando Silva, Silvio Caldas, Dalva de Oliveira, Angela Maria, Pixinguinha e Ernesto Nazareth.
- Botafoguense, enorme admirador de Nilton Santos, Didi e principalmente de Garrincha, estivemos em 15/12/1962 no Maracanã, vendo o Botafogo vencer o Flamengo por 3x1, na conquista do Campeonato carioca, no auge das carreiras deles. - Cruzeirense, vibrou muito no Mineirão em 1966 e em Montes Claros em 2003 e 2013, em conquistas de títulos nacionais nesses anos e em outras conquistas do seu time preferido. Atenense, fui muitas vezes com ele assistir grandes jogos no Estádio João Rebello, nos anos 50/60. - Quando jovem, tinha o apelido de Pedro Matinê, por razões óbvias. Gostava muito de fazer brincadeiras com os amigos, conhecidos e parentes, às quais chamava de "ferradas", para tornar os ambientes mais alegres e descontraídos.
- Lembrança da Missa de 7o. dia, celebrada por Monsenhor Alencar na Igreja de Santa Clara, em Montes Claros: "Dai-lhe, Senhor, o repouso eterno e brilhe para ele a Vossa luz! - Viveu praticando o bem, servindo à Justiça, amando sua família e aos que a ele recorriam. Conquistou muitos amigos, pela sua alegria, nas suas atividades profissionais e escreveu uma história de virtudes cristãs. Saudades eternas. Sua família, 20/11/2013. Que viva bem feliz, para sempre, no Reino que o Senhor preparou para todos."
- Parafraseando Sérgio Bittencourt: "Naquela mesa tá faltando ele e a saudade dele tá doendo em mim." Esteja com Deus!

Afonso Cláudio de Souza Guimarães

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85251
De: Corpo de Bombeiros Data: Sábado 7/11/2020 08:40:31
Cidade: Montes Claros

JANAÚBA - (...) Na noite dessa sexta feira (06), por volta das 20:50, militares do 6° Pelotão BM deslocaram para atendimento de ocorrência de incêndio em veículo automotor (Carreta). O fato se deu próximo ao KM 191 da MGC 122, povoado de Caçarema, Município de Capitão Enéas . A guarnição de Auto Bomba Tanque (ABT) deslocou para o local, munidos de equipamentos de proteção Individual e com técnicas de combate à incêndio os Bombeiros extinguiram o incêndio. Segundo o motorista da carreta, ele dirigia da cidade de janaúba com destino à São Paulo e estava carregado de carne bovina, foi quando percebeu que as rodas do veículo estavam travadas e em seguida começaram a pegar fogo. Mesmo com a utilização de extintores não foi possível debelar o princípio de incêndio, que acabou por tomar toda a carreta. Com a desestabilização do veículo, devido a inclinação do acostamento e os pneus estourados, a carreta, que estava estacionada, tombou. Uma guarnição da Polícia estadual compareceu no local para os procedimentos atinentes ao trânsito. Não houve feridos.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85250
De: Afonso Cláudio Data: Sexta 6/11/2020 16:02:35
Cidade: Montes Claros/MG

Covid-19 em Minas Gerais

Classificação dos números de mortes por 100 mil habitantes, em ordem decrescente, devidas ao novo coronavírus, referentes a 30 dos maiores municípios de Minas Gerais, a partir de dados publicados pela Secretaria Estadual de Saúde, às 10:00 hs de 06/11/2020:

Classif./Municípios/Mortes/ Mortes por 100 mil habits.

1º Governador Valadares 294 105,0
2º Uberlândia 674 97,5
3º Araguari 102 87,0
4º Ipatinga 223 84,6
5º Cel. Fabriciano 80 72,8
5º Caratinga 67 72,8
6º Teófilo Otoni 101 71,1
7º Contagem 423 63,7
8º Uberaba 210 62,9
9º Belo Horizonte 1520 60,8
10º Betim 239 54,4
11º Patos de Minas 79 52,4
12º Pouso Alegre 74 49,1
13º Juiz de Fora 268 47,1
14º Santa Luzia 103 47,0
15º Sabará 64 46,9
16º Ribeirão das Neves 155 46,3
17º MONTES CLAROS 186 45,4 *
18º Ibirité 71 39,4
19º Curvelo 30 37,4
20º Pirapora 19 33,7
21º Varginha 43 32,0
22º Vespasiano 39 30,6
23º Divinópolis 69 29,0
24º Poços de Caldas 42 25,3
25º Sete Lagoas 59 24,6
26º Passos 28 24,4
27º Janaúba 16 22,3
28º Itabira 22 18,3
29º Januária 8 11,8

- As populações dos municípios acima, consideradas para o cálculo e classificação dos índices, são as mesmas das mensagens anteriores, semelhantes a esta e publicadas semanalmente por este mural.
- Percentual do número de habitantes desses municípios, em relação ao do Estado: 43,6%.
- Percentual do número de mortes desses municípios, em relação às do Estado: 5308/9199 = 57,7%.
- Montes Claros (17º lugar) está com o dobro do índice do 27º lugar (45,4/22,3 = 2,03), posição que ocupava, por exemplo, em 17/07/20, quando iniciamos a comparação entre os mesmos 30 municípios de Minas Gerais (msg 84903).
- Considerando o número de óbitos de 191, publicado pelo montesclaros.com em 05/11/20, 18h31m, o índice de mortes por 100 mil habitantes deste Município seria 46,6, o que mudaria sua posição para o 16º lugar hoje, ou seja, primeiro lugar abaixo de Sabará (46,9), desde que os demais municípios permaneçam nas mesmas colocações.
- Os 5 municípios que tiveram os maiores índices: Governador Valadares, Uberlândia, Araguari, Ipatinga, Coronel Fabriciano e Caratinga, estes 2 últimos empatados.
- Os 5 municípios que tiveram os menores índices: Januária, Itabira, Janaúba, Passos e Sete Lagoas.
- Comparação dos índices do 1º com o 29º lugar: 105,0/11,8 = 8,9.

Que Deus receba no Seu Reino as vítimas da Covid-19 e abençoe seus familiares.

Eng. Afonso Cláudio de Souza Guimarães



Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85249
De: Manoel Hygino Data: Sábado 7/11/2020 07:49:10
Cidade: Belo Horizonte

Mandetta x Guedes: nunca se entenderam bem

Manoel Hygino

O ambiente em Brasília se mantém em alta temperatura. Basta constatar pelos meios de comunicação. Tenho certa antipatia a redes sociais, usadas grandemente para disseminar maldades e malícias, acusações descabidas, posto o instrumento à disposição de quem não demonstra, como se constata repetidas vezes, interesse maior no exame e discussão dos problemas nacionais.
Jornais publicaram recente declaração de Paulo Guedes: “O ex-ministro da Saúde vem dizer que não demos muita atenção à crise. É um animador de televisão, um inconsequente de falar algo como isso”. Mas, os ministros Luiz Henrique Mandetta e Paulo Guedes nunca se entenderam bem, como o livro do ex-titular da Saúde – “Um paciente chamado Brasil: os bastidores da luta contra o coronavírus” o revela.
No livro, Mandetta conta sobre reunião ministerial de 31 de março, em que ele e Guedes se atritaram quanto a reajuste de remédios, que o colega queria liberar em plena pandemia: “Todo o problema aconteceu porque o Guedes não havia se inteirado sobre as regras de preços no setor farmacêutico. Esta é uma das poucas áreas que, desde época do governo Fernando Henrique Cardoso, continua com preços tabelados, definidos pelo governo”.
Assim, uma vez por ano, os dois ministros se reúnem para decidir de remédios. Guedes já era, por iniciativa pessoal, pelo aumento de 3,4%, mas Mandetta não concordava. Está no livro. Ministro da Saúde: “Poxa, no meio de uma pandemia, com pessoas sem dinheiro, uma multidão de desempregados, e o governo vai anunciar aumento de remédio? Não é hora de dar esse reajuste”.
O titular da economia, que até então parecia alheio a tudo, saiu do transe em que parecia estar e falou: “Negativo, eu não admito tabelamento”. Mas ele sequer sabia que o preço do medicamento já era, fazia tempo, tabelado. O aumento podia aguardar momento mais favorável, opina Mandetta.
Foi uma discussão feia durante a reunião, Guedes acusando Mandetta de tentar interferir em matéria do Ministério da Economia. As vozes ganharam volume. O ex-titular da saúde confessou: “Ele falou mais alto, eu falei mais alto”. “Ele tentou me interromper. Eu não deixei. Você fica quieto, porque eu fiquei quieto quando você falava”.
Bolsonaro calado, olhos arregalados. Mourão deu um tapa na mesa e gritou: “Vamos parar com isso”. E a discussão brava terminou.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85248
De: Afonso Cláudio Data: Sexta 6/11/2020 11:29:06
Cidade: Montes Claros/MG

Pandemia do novo coronavírus

I) Comparação dos aumentos percentuais de 14, entre os 15 primeiros países da classificação da Organização Mundial da Saúde, em ordem decrescente, referentes às mortes por coronavírus até 06/11/2020, 8h30m e até 30/10/2020, 8h30m:

1º Iran 8,42% (passou de 34.113 para 36.985 mortes)
2º França 8,40% (de 35.728 para 38.730)
3º Espanha 7,99% (de 35.639 para 38.486)
4º Rússia 7,98% (de 27.462 para 29.654)
5º Argentina 7,63% (de 30.442 para 32.766)
6º Itália 5,43% (de 38.122 para 40.192)
7º Reino Unido 4,71% (de 45.955 para 48.120)
8º Colômbia 4,15% (de 30.926 para 32.209)
9º México 3,30% (de 90.773 para 93.772)
10º Índia 3,22% (de 121.090 para 124.985)
11º Estados Unidos 2,74% (de 228.675 para 234.944)
12º África do Sul 2,68% (de 19.164 para 19.677)
13º Brasil 1,34% (de 158.969 para 161.106)
14º Peru 1,07% (de 34.362 para 34.730)

II) Principais destaques: 1º lugar/Iran, 2º lugar/França e 3º lugar/Espanha.
A Alemanha apareceu entre os 15 primeiros lugares, pela última vez, em 26/6/20, com 8948 mortes. Como hoje ela está com 11.110 mortes, o aumento percentual foi de 24,2% em 19 semanas, ou uma média de 1,27% por semana, o que corresponderia ao 14º lugar hoje.

III) Classificação da OMS hoje, referente aos 15 primeiros países e que inclui casos confirmados, mortes e casos recuperados: 1º Estados Unidos, 2º Índia, 3º Brasil, 4º Rússia, 5º França, 6º Espanha, 7º Argentina, 8º Reino Unido, 9º Colômbia, 10º México, 11º Peru, 12º Itália, 13º África do Sul, 14º Iran e 15º Alemanha.

IV) Totais referentes ao Mundo hoje: Mortes 1.234.742; Casos confirmados 48.764.912
Diferenças em relação a 30/10: Mortes 1.234.742 - 1.182.272 = 52.470; Casos 48.764.912 - 45.107.107 = 3.657.805 (maior número em 7 dias desde o início da pandemia)

V) Conforme o G1, até as 20h de ontem, o Brasil teve uma média móvel de mortes nos últimos 7 dias de 392, com uma redução de 17% em 14 dias.
- Estados que tiveram aumento na média de mortes: Santa Catarina, Rondônia, Ceará, Pernambuco e Rio Grande do Norte.
- Estados que têm curvas que apontam queda das médias de mortes: Paraná, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Acre, Amazonas, Roraima, Tocantins e Alagoas.
- Estados com estabilidade nas médias de mortes: Rio Grande do Sul, Pará, Bahia, Maranhão, Paraíba, Piauí e Sergipe.
O Estado do Amapá novamente não teve atualizações em 24 horas, devido a falta de energia elétrica desde a noite de 3a. feira, 3/11.
A média móvel de novos casos no Brasil, nos últimos 7 dias, foi de 16.837 por dia, uma variação de -24% em relação aos casos registrados em duas semanas, ou seja, também indica queda em relação aos últimos 14 dias. É a menor média móvel de casos de Covid registrados desde o dia 23 de maio, quando estava em 16.715.
Nunca é demais relembrar que devemos continuar usando máscara, higienizando ambientes, objetos e mãos com frequência, mantendo distância de segurança e evitando aglomerações, como recomendado pelas autoridades e especialistas da Saúde, pois a pandemia do coronavírus não acabou (por sinal, na Europa está ocorrendo a segunda onda) e ainda não temos a vacina segura e eficaz, até mesmo porque os índices de casos e óbitos variam entre Estados, municípios e bairros, por exemplo.

Eng. Afonso Cláudio de Souza Guimarães

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85247
De: Gustavo Mameluque Data: Quinta 5/11/2020 12:55:34
Cidade: MONTES CLAROS  País: Brasil
E-mail: gustavomameluque@gmail.com

Lembranças ...

Observando, num dias desses a violenta guerra do trânsito que vivemos em Montes Claros, lembrei-me de um fato pitoresco e singelo que me ocorreu nos idos de 1973, aqui em nossa cidade. Havíamos acabado de chegar a Montes Claros, vindos com saudades de São Francisco. Morávamos em uma casa modesta na Av. Ovídio de Abreu, 351, próximo ao antigo “Cine Lafetá”, vez que chegávamos para recomeçar a vida na promissora cidade dos Montes Claros. Como conta o romance, éramos seis: meu pai, mãe, e os três outros irmãos. Em 1974 fui matriculado na pioneira Escola Polivalente Professor Alcides Carvalho, no nascente bairro Jardim São Luiz. Quem conhece Montes Claros sabe muito bem que a ponta da Avenida Ovídio de Abreu, já quase no Santa Rita, e o Polivalente estavam e estão ainda hoje completamente opostos. Logo no primeiro dia de aula questionei meus pais: - Para chegarmos às sete horas da manhã, a que horas deverei sair de casa para não encontrar o portão fechado?. Lembro-me bem, como se fosse hoje, da resposta da minha mãe Glorinha: - Se você for à pé, deverá sair às seis e quinze da manhã. Segue toda a Avenida, passa com muito cuidado pela rodoviária, desce a Rua Barão do Rio Branco até a Avenida Mestra Fininha. Chegando à Mestra Fininha, você sobe até a Escola Normal, vira à direita, desce quatro quarteirões, vira novamente, só que à esquerda, e, exatamente às sete horas, você estará na porta da Escola.
O certo é que, salvo dois ou três dias de garganta inflamada e febre, neste ano de 1974 nunca cheguei atrasado ao Polivalente. E minha mãe prosseguiu na resposta: - Se você for de bicicleta (tínhamos uma antiga MonarK, barra circular verde), poderá sair às seis e meia. Por fim concluiu: - Se o seu pai não estiver viajando para São Francisco, ele poderá te levar de carro e, nesse caso, vocês podem sair às seis e cinqüenta. Nessa época meu pai ainda mantinha seu escritório de advocacia em São Francisco e sempre ia para lá na terça-feira, retornando na sexta. Nesse primeiro ano me acostumei a ir à escola a pé ou de bicicleta. No ano seguinte, meu irmão, Leopoldo, também passou a estudar no Polivalente e coube a mim a responsabilidade de transportá-lo na garupa da prestimosa barra circular verde. Quando chegamos em 1976, minhas responsabilidades aumentaram: já teria também que transportar a minha irmã Cristina. Íamos na bicicleta barra circular verde eu, Leopoldo e Cristina.
Retorno à minha infância com o intuito de fazer um contraponto com os dias de hoje. Já não se pode deixar que nossos filhos se dirijam à escola de bicicleta. Pelo menos até à quinta série, ou eles têm de ir de carro (os pais levando) ou de ônibus escolar ou Uber. Isto na época em que não existia o Corona vírus e que as crianças e jovens ainda iam na escola. Naquele tempo não havia Ensino à distância nem internet. Não é só o trânsito agitado que preocupa atualmente. A violência do dia-a-dia. Fico a meditar, como seria aquela resposta a mim dada nos dias de hoje. Com certeza eles teriam que nos acompanhar até a escola todos os dias: de carro, de Uber, de ônibus, ou a pé.

Recentemente foi proferida uma palestra pelo filósofo e professor Paulo Volker, em que ele relata a importância do vínculo familiar e do diálogo no processo de proteção dos filhos. Ele relata que os filhos são como plantinhas que não podem se expor muito ao sol e à luz, pois acabam morrendo. A criança precisa de sua privacidade, do seu aconchego e também do abraço afetuoso de seus pais. Conclui a palestra afirmando que, se abraçássemos mais nossos filhos, conheceríamos mais seu cheiro próprio. E poderíamos distinguir outros cheiros, como o do cigarro e outras” coisitas”mas, por exemplo. Da narrativa acima, retira-se também outra lição. Os pais devem repassar aos filhos o senso de responsabilidade. Minha cota, por exemplo, era transportar meus irmãos, o que procurei realizar da melhor maneira possível. Isso tudo nos mostra também como são importantes as dificuldades e revezes que enfrentamos em nossa vida. E entender que, com paciência, tudo se resolve. Hoje eu agradeço a Deus pelas limitações que me foram impostas pelas circunstâncias e pela decisão de meus pais. Não somos uma família perfeita, se é que existe alguma. Mas acreditamos que a vida sempre vence a morte. Que a luz sempre vence as trevas, que a paz é o veneno da guerra e que o amor será uma dia a única língua dos homens. Sonho ? “ Mas um sonho nunca é uma mentira”. ( Orson Wells).

Em memória de Pedro Mameluque Mota e de todos os egressos da E.E. Prof. Alcides Carvalho ( Polivalente).

Gustavo Mameluque- Jornalista. Bacharel em Direito. Cronista do montesclaros.com e do Novo Jornal de Notícias. Membro da Irmandade de Nossa Senhora das Mercês/Santa Cas e do Instituto Histórico e Geográfico de Montes Claros .
gustavomameluque@gmail.com

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85246
De: Paulo Narciso Data: Quinta 5/11/2020 17:26:25
Cidade: Montes Claros

Montes Claros perdeu nesta tarde um dos seus personagens recentes.
Aos 82 anos, partiu Mário Rodrigues, conhecido por Marinho.
Nascido em Juramento, exatamente nas 7 Passagens, toda a vida esteve ligado ao setor rural (é associado dos mais antigos da Sociedade Rural) e foi representante das Rações Purina, daí também ser chamado de Marinho Purina. Tinha todo o tempo, para todos.
De temperamento ameno, cordial e conciliador, colecionou milhares de amigos e era solicitado a toda hora.
Discreto, leal, elegante nos princípios, prestativo, eternamente gentil, foi testemunha de acontecimentos importantes na vida da cidade nos últimos 70 anos, e conservou detalhes importantes de muito fatos.
Deixa um casal de filhos e o exemplo do cidadão correto, escorreito, constante e fidalgo, imensamente humilde - no que a palavra incorpora de mais alto.
A simplicidade na conduta, a escolha pela vida suave, comedida e sábia, o elevam ao patamar dos que melhor souberam viver, entre nós.

O bom Marinho partiu como viveu - enorme também na hora de dizer adeus. Surpreeendido pela doença tenaz, fez a travessia em pouco mais de 1 mês, com a entrega e a solicitude que sempre foram a marca de vida tão alta quanto leve.

(O sepultamento está marcado para as 14h desta sexta, com velório a partir das 23h de hoje, na Avenida Joao Luiz de Almeida 354)

P.S.

1 - O bom Marinho que cito aqui sempre me levou ao Irmão Marinho, personagem da história dos primeiros dias da era Cristã, cujo corpo, soube recentemente, está depositado numa das centenas de igrejas de Veneza, que ainda pretendo visitar. Vale muito a pena conhecer. A história pode ter inspirado o imenso João Guimarães Rosa a construir o personagem principal de Grande Sertão: Veredas, Diadorim. O autor jamais omitiu suas místicas convicções, e o tempo as reforçou.

2 - Quando nesta sexta fomos levar os despojos ao escrínio da terra, ficou também claro que o cantante Marinho mereceu sua campa a pleno luar, que ele cantou, e amou.
Mais: vimos, e ouvimos, que na primeira noite as diurnas cigarras de outubro - recuadas para novembro - deliberaram cantar. (Marinho segue íntimo da natureza, com quem também sempre dialogou).

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85245
De: Paulo Narciso Data: Quinta 5/11/2020 17:25:51
Cidade: Montes Claros

Montes Claros perdeu nesta tarde um dos seus personagens recentes. Aos 82 anos, partiu Mário Rodrigues, conhecido por Marinho. Nascido em Juramento, toda a vida esteve ligado ao setor rural e foi representante das Raçoes Purina, daí também ser chamado de Marinho Purina. De temperamento ameno e cordial, colecionou milhares de amigos e era solicitado a toda hora. Discreto, leal, elegante nos princípios, foi testemunha de acontecimentos importantes na vida da cidade nos últimos 70 anos, e conservou detalhes importantes de muito fatos. Deixa um casal de filhos e o exemplo do cidadão correto e fidalgo, imensamente humilde - no que a palavra tem de mais significativo. A simplicidade na conduta, a escolha deliberada da vida comedida, e sábia, o elevam ao patamar dos que melhor souberam viver. entre nós. O bom Marinho partiu como viveu - enorme no exemplo, até na hora de dizer adeus. Surpreeendido pela doença tenaz, fez a travessia em pouco mais de 1 mês, com a a entrega e a solicitude que sempre foram sua marca.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85244
De: Policia Militar Data: Quinta 5/11/2020 11:33:29
Cidade: Montes Claros

ITACARAMBI – A Polícia Militar, nesta data, 5, por volta das 00h45min, compareceu na rua Imaculada Conceição, bairro Centro, em Itacarambi, onde segundo testemunhas, visualizaram 02 (dois) indivíduos, possivelmente menores, em atitudes suspeitas, nas proximidades de uma motocicleta Lander, cor preta, sem placa de identificação. Ao serem abordados, foram identificados como sendo menores infratores de 13 e 14 anos, com os quais, durante as buscas nada de ilícito foi localizado; consultada a situação do veículo, por meio do chassi, constataram não haver sinalização de furto/roubo e que o veículo pertencia a vítima, homem de 41 anos; ao serem questionados os menores/suspeitos confirmaram a autoria do Ato Infracional e alegaram que a vítima queria abusar sexualmente deles em sua residência; que eles e a vítima consumiam cerveja e cocaína, quando, em dado momento, eles a agrediram com golpes na cabeça, utilizando um tijolo; com os menores localizaram um aparelho celular. A vítima foi localizada na sala de sua residência, deitada em um sofá, aparentemente inconsciente, com ferimentos na cabeça e com indícios de que teriam tentado atear fogo nela. Equipe do SAMU compareceu ao local e socorreu a vítima ao HPS local, sendo, posteriormente transferida, devido à gravidade dos ferimentos, para HPS, nesta cidade. Na sala da residência foram localizadas 02 (duas) facas, com resquício de sangue, e 01 (um) peso de porta, de concreto, ensanguentado, possivelmente também utilizado na agressão. A motocicleta foi apreendida e removida ao pátio credenciado. Os menores infratores foram apreendidos e conduzidos, em flagrante de ato infracional, análogo a roubo, a DP, de Plantão, em Januária, acompanhados por um representante legal.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85243
De: Policia Militar Data: Quinta 5/11/2020 10:59:31
Cidade: Montes Claros

SALINAS – A Polícia Militar, ontem, 4, por volta das 01h20min, com Equipe do SAMU, compareceu no Povoado de Curralinho, na zona rural de Salinas, onde, segundo solicitante, (irmã da vítima), recebeu um telefonema informando que 02 (dois) indivíduos desconhecidos, invadiram a residência de seus pais, procurando por seu irmão, identificado, 24 anos, localizando-o em um quarto e efetuaram disparos de arma de fogo contra ele. No local depararam com a vítima sobre a cama, ensanguentada, já sem vida. Perícia compareceu ao local, realizou os trabalhos de praxe, constatou 06 (seis) perfurações, provenientes de arma de fogo, na cabeça, e 02 (duas) nas costas, recolheu 09 (nove) cápsulas deflagradas, calibre .38, e 01 (um) aparelho celular. Segundo as vítimas, homem de 60 anos e mulher de 63 anos, por volta das 01h20min, quando dormiam, assustaram com a porta da residência sendo arrombada e depararam com 02 (dois) indivíduos no interior da residência, usando toucas, tipo ninjas; estando um deles armado com 01 (um) revólver, em tom ameaçador, de arma em punho, questionaram sobre a vítima, filho do casal, sendo respondido que ele não se encontrava na residência, um deles ficou na sala com eles e o outro saiu a procura da vítima pela casa e ao encontrá-la começou a atirar; após o ocorrido retornou e questionou se havia dinheiro ou armas de fogo na residência; após revirar a casa, não encontrando e nem levando nada, evadiram, provavelmente, devido ao barulho, em motocicletas. Segundo informações a vítima já teria sido preso por tráfico de drogas e possuía um desacerto comercial pela venda de um veículo. O corpo da vítima foi liberado ao serviço funerário. Rastreamento continua na tentativa de localização e prisão dos autores do crime.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85242
De: Policia Militar Data: Quinta 5/11/2020 10:58:48
Cidade: Montes Claros

MONTES CLAROS – A Polícia Militar, nesta data, 5, por volta das 01h04min, durante patrulhamento recebeu informações, anônimas, que 02 (dois) indivíduos, já conhecidos nos meios policiais pela prática de tráfico de drogas, roubo e outros crimes, teriam deslocado à cidade de Patrocínio onde trocariam um veículo VW Polo, cor prata, placa HDO-5022, por substâncias entorpecentes e, nesta data, 05, retornariam. De posse das informações, foi montada uma operação policial tendo os policiais militares abordado um veículo ônibus que fazia o trajeto Patrocínio/Montes Claros, na Av. Caldeira Veloso, bairro São Geraldo II, nesta cidade; durante as buscas no interior do veículo, abordaram os suspeitos, identificados, homens de 21 e 28 anos; na bagagem do indivíduo de 21 anos, localizaram 01 (uma) mala contendo em seu interior 16 (dezesseis) barras de substância análoga a maconha; com o outro indivíduo, 28 anos, localizaram R$697,00 (seiscentos e noventa e sete reais); foram localizados ainda 02 (dois) aparelhos celulares. Ao serem questionados sobre o material, assumiram a propriedade do material e confirmaram a versão da denúncia. Diante do exposto os indivíduos foram presos e conduzidos a DP, de Plantão, com os materiais apreendidos.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85241
De: Afonso Cláudio Data: Quarta 4/11/2020 22:41:57
Cidade: Montes Claros/MG

5 anos do rompimento da barragem de Mariana

"5/11/2015, 16h - Distrito de Bento Rodrigues, município de Mariana/MG: barragem de rejeitos de minério desmoronou e há 17 mortos e 45 desaparecidos"; depois foram informados 18 mortos e 1 desaparecido. Assim ouvi a notícia naquela tarde trágica, há exatos 5 anos, sobre o acidente que havia ocorrido por volta de 15h30m e que depois resultou também em contaminação das águas do Rio Doce, pela lama dos rejeitos de minério da barragem de Fundão, controlada pela Samarco Mineração S.A. (um empreendimento conjunto das maiores empresas de mineração do mundo, a brasileira Vale S.A. e a anglo-australiana BHP Billiton) que rompeu, tornando impossível o tratamento da água daquele rio, levando ao desabastecimento de várias cidades de Minas e do Espírito Santo por uma semana, além dos danos à fauna e à flora na área da bacia hidrográfica, à extinção de espécies, à destruição das moradias e propriedades rurais de várias famílias de Bento Rodrigues e Paracatu de Baixo, a danos culturais a monumentos históricos do período colonial, prejuízos à atividade pesqueira e ao turismo nas localidades atingidas.
O rompimento da barragem de Fundão é considerado o desastre industrial que causou o maior impacto ambiental da história brasileira e o maior do mundo envolvendo barragens de rejeitos.
Um agravante da situação foi que o empreendimento e as comunidades vizinhas à barragem não possuíam um Plano de Contingência, nem rotas de fuga que permitissem aos moradores se deslocarem a tempo para regiões seguras.
Esse desastre e outros anteriores deveriam ter servido de alerta para outros eventuais rompimentos no futuro, mas, infelizmente, não foram, como ocorreu, por exemplo, na barragem de Brumadinho, da mina de Córrego do Feijão, no Rio Paraopeba, às 12h28m de 25/01/2019, com 259 mortos e 11 desaparecidos e que foi o maior acidente de trabalho no Brasil em perda de vidas humanas e o segundo maior desastre industrial do século. Foi também um dos maiores desastres ambientais da mineração do Brasil, depois do rompimento da barragem em Mariana.

Eng. Afonso Cláudio de Souza Guimarães

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85240
De: Governo de Minas Data: Quarta 4/11/2020 18:43:17
Cidade: Belo Horizonte

Mais de 70% das macrorregiões de Saúde estão na onda verde do Minas Consciente
Nordeste avança para a fase mais flexível do plano do Governo de Minas; Vale do Aço e Leste retornam para onda amarela
Dez das 14 macrorregiões de Saúde mineiras estão na onda verde do Minas Consciente, plano elaborado pelo Governo de Minas para garantir a retomada segura e gradual da economia nos municípios.
O número foi atingido após a região Nordeste, que engloba cidades como Teófilo Otoni e Nanuque, avançar para a fase mais flexível, conforme decisão tomada pelo Comitê Extraordinário Covid-19, nesta quarta-feira (4/11). A onda verde permite a reabertura de parques, cinemas e museus, desde que as regras sanitárias e de distanciamento sejam seguidas.
Cautela
Apesar dos índices controlados da doença na maior parte do Estado, as macrorregiões Leste e Vale do Aço tiveram aumento no número de casos e, por isso, precisarão retornar para a onda amarela, restringindo algumas atividades. As decisões do Comitê passam a valer no próximo sábado (7/11), após publicação das mudanças no Diário Oficial.
O governador Romeu Zema comentou as mudanças e fez um apelo para que a população não se descuide.
“No geral, os números estão melhorando, mas, infelizmente, tivemos duas regressões nesta semana. Duas regiões que estavam na onda verde precisarão retornar para a onda amarela porque a situação piorou. Fica muito claro que é necessário continuarmos com todos os cuidados. Estamos vendo, inclusive, em países em que a pandemia estava praticamente eliminada, o retorno de uma segunda onda. Fica o meu alerta de que não podemos baixar a guarda”, disse.
Balanço
Até o momento, 657 cidades mineiras aderiram ao plano Minas Consciente, impactando 13,4 milhões de pessoas. Neste contexto, ao menos 522 cidades do estado com menos de 30 mil habitantes registraram incidência da covid-19 abaixo de 50 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.
A região Nordeste avança para a onda verde* nesta semana, se unindo às macrorregiões Norte, Noroeste, Jequitinhonha, Centro, Sudeste, Centro-Sul, Oeste, Sul e Triângulo do Sul, que já haviam progredido anteriormente. Essa fase possibilita a abertura de serviços não essenciais com alto risco de contágio. São eles:
- Atividades artísticas, como produção teatral, musical e de dança e circo;
- Cinemas, bibliotecas, museus, arquivos;
- Parques, zoológicos e jardins;
- Feiras, congressos, exposições, filmagens de festas, casas de festas, bufê;
- Parques de diversão, discotecas, boliches, sinuca;
- Bares com entretenimento (shows e espetáculos);
- Serviços de colocação de piercings e tatuagens.
*Para avançar para a onda verde, as cidades precisam estar há 28 dias consecutivos na onda amarela, sem sofrer retrocessos durante esse período.
Onda Amarela
As macrorregiões Vale do Aço e Leste precisaram retornar para a onda amarela, juntando-se às regiões Triângulo do Norte e Leste do Sul. A fase permite a abertura de serviços não essenciais, como:
- Bares (consumo no local);
- Autoescolas e cursos de pilotagem;
- Salões de beleza e atividades de estética;
- Comércio de eletrodomésticos e equipamentos de áudio e vídeo;
- Papelarias, lojas de livros, discos e revistas;
- Lojas de roupas, bijuterias, joias, calçados, e artigos de viagem;
- Comércio de itens de cama, mesa e banho;
- Lojas de móveis e lustres;
- Imobiliárias;
- Lojas de departamento e duty free;
- Lojas de brinquedos;
- Academias (com restrições);
- Agências de viagem;
- Clubes.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85239
De: Manoel Hygino Data: Quarta 4/11/2020 07:57:16
Cidade: Belo Horizonte

Dia de Regozijo

Manoel Hygino

Sete de novembro é uma data a ser comemorada, neste país em que o bom e útil nem sempre se festeja. Trata-se de um sábado e não haverá agrupamento de pessoas, o que contrariaria as orientações sanitárias para este tempo desagradável de pandemia. Mas prevenir é melhor. Cem anos atrás, na primeira semana do mês, nada havia digno de relevo a registrar na capital com menos de 24 mil habitantes.
Neste vigésimo ano do século 21, no dia em questão, lembra-se a criação – com direito à presença do presidente da República – do CEM, sigla do Centro de Especialidades Médicas, que a Santa Casa, primeira instituição de saúde da nova sede do governo estadual, instalou para atender à demanda de mais de dois milhões de pessoas.
Não se pensava, então, em uma pandemia como a ora enfrentada por uma população, que esperava apenas chuva.
O CEM foi instalado onde antes existia o Sanatório Imaculada, com 100 leitos destinados a tuberculosos, também criado e mantido pela instituição.
Não mais havia necessidade do estabelecimento, inaugurado em 1934, porque entrara em declínio a patologia, a ciência avançara, os médicos idem. Com a desativação do Imaculada, se construiria um complexo para tratamento avançado de casos cardiológicos. O terreno foi desapropriado à Santa Casa e se começou o empreendimento.
Faltou dinheiro, houve acusações múltiplas, o projeto se frustrou, e a estrutura em cimento concreto ali ficou com um esqueleto de priscas eras. O provedor da SCMBH, Saulo Levindo Coelho, desenvolveu pertinazmente as vias para atender a instituição, a Prefeitura e o Estado, maiores interessados. Problemas complexos.
Parte do legado coube à Santa Casa, que lá instalou o CEM, que ora completa 13 anos, atendendo 32 especialidades médicas em 70 consultórios, 10 salas de procedimentos, bloco cirúrgico e 22 salas de exames. Coisa séria e do maior interesse social e humano.
De 2007 até agosto de 2020, foram 7.178.637 atendimentos com assistência de qualidade, como observa a superintendente, médica Maria Nunes.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85238
De: Afonso Cláudio Data: Terça 3/11/2020 11:57:38
Cidade: Montes Claros/MG

Visão atual e futura da pandemia do novo coronavírus

Em 28/01/20 a China já registrava 106 mortes por coronavírus, 9.515 contaminados e a OMS elevou para "risco alto" o alerta de epidemia global.
O Brasil estava em "perigo iminente", nível 2, sendo que até 27/01/20 estava em "alerta", nível 1.
Em 11/03/20 a Organização Mundial da Saúde declarou a pandemia, mas desde 28/01/20, pelo menos, já havia sinais de que ela estava chegando não só na Ásia, mas também na Europa e no resto do Mundo.
Portanto, há 9 meses e 5 dias senti a necessidade de acompanhar e analisar os números, gráficos, notícias e comentários sobre este assunto, com a intenção de, além de ir aprofundando o conhecimento sobre o mesmo, me precaver e aos meus familiares e amigos quanto aos riscos que estavam disseminando pelo planeta.
Graças à experiência profissional e de vida, adquiridas há décadas, tive a honra de poder sugerir, através das mensagens aqui publicadas, o que a análise dos "fatos e dados" me indicavam e que compartilhei com os inúmeros leitores.
Sinto que chegou uma fase muito importante e que me permite dizer o seguinte:
- Os números de casos e de mortes devidos à Covid-19 têm que ser analisados não apenas em relação a um bairro, ou cidade, por exemplo. É importantíssimo que, além de se comparar as reduções de um município, um Estado ou um país, com eles mesmos, que sejam comparados com seus semelhantes.
Exemplo concreto: Montes Claros; a) Redução de mortes: agosto/setembro, 6% (msg 85142); setembro/outubro, 13%. b) Redução de casos: agosto/setembro: 20% (msg 85146); setembro/outubro, 6%.
Montes Claros melhorou no item a, passando de 6% para 13% e piorou no item b, passando de 20% para 6% (as flexibilizações aumentam as contaminações). Em ambos os itens houve reduções, ainda que de modos e quantidades diferentes, porém, se analisarmos, ao mesmo tempo, por exemplo, a classificação semanal de 30 entre os maiores municípios mineiros, publicadas pelo montesclaros.com, vemos que as posições dos municípios no índice de mortes por 100 mil habitantes são muito boas para uns (exs: os 5 menores índices, de Januária, Itabira, Janaúba, Passos e Sete Lagoas), mas muito ruins para outros (exs: os 5 maiores índices, de Governador Valadares, Uberlândia, Ipatinga, Araguari e Coronel Fabriciano), conforme a mensagem 85229, de 30/10/20.
Portanto, é indispensável que os governantes, as autoridades sanitárias, os profissionais da saúde e a população em geral exerçam rigorosamente seus papéis com um só objetivo: evitar a transmissão do novo coronavírus, as infecções e os riscos de mortes, inclusive depois que houver vacina segura e eficaz disponível, pois há sinais de que o comportamento deste e de outros vírus exigem vigilância perene da humanidade. A luta continua.
Deus nos abençoe e livre de todo mal.
03/11/2020 - dia de São Martinho de Lima.

Eng. Afonso Cláudio de Souza Guimarães

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85237
De: Policia Militar Data: Terça 3/11/2020 10:07:47
Cidade: Montes Claros

JANUÁRIA – A Polícia Militar, ontem, 2, por volta das 14h36min, compareceu na rua Coronel Serrão, bairro Centro, em Januária, em um Posto de Combustíveis, onde, segundo informações um indivíduo teria efetuado disparos de arma de fogo. No local, segundo testemunhas, um indivíduo, posteriormente identificado, 39 anos, por motivos de ciúmes, teria efetuado disparos de arma de fogo contra a vítima, identificada, homem de 27 anos, frentista do estabelecimento, que reside atualmente com a ex-esposa do autor. Ainda segundo testemunhas a vítima trabalhava no local quando o autor chegou em uma motocicleta XR, cor preta, sacou uma arma de fogo e efetuou 07 (sete) disparos atingindo a vítima na região dorsal e na região da clavícula e, logo após, evadiu. A vítima foi socorrida e encaminhada ao HPS Municipal onde foi atendida pela médica de plantão. Perícia compareceu ao local, realizou os trabalhos de praxe e recolheu 06 (seis) cápsulas deflagradas, calibre .32. O indivíduo ainda não foi localizado. Rastreamento continua.

***

JURAMENTO – A Polícia Militar, ontem, 2, por volta das 23h33min, compareceu na rua João do Ó, bairro Centro, em Juramento, onde, segundo a vítima, homem de 48 anos, taxista, aguardava um cliente quando foi abordado por um indivíduo, que com a mão na cintura, simulando estar armado, anunciou o assalto, tentou abrir a porta do veículo táxi, como estava trancada, quebrou o vidro da janela do veículo com uma pedra e, proferindo ameaças, exigiu dinheiro e as chaves do veículo; que, neste instante gritou, pedindo socorro, tendo o indivíduo evadido, em companhia de um comparsa que o aguardava em uma motocicleta. De posse das informações os policiais militares deram início ao rastreamento, quando receberam informações, anônimas, sobre a autoria do roubo tentado. Durante o rastreamento os indivíduos foram localizados em suas residências, sendo abordados e identificados, 21 e 22 anos, os quais foram prontamente reconhecidos pela vítima. A motocicleta utilizada no roubo tentado não foi localizada. Os indivíduos foram presos e conduzidos a DP de Plantão, nesta cidade.

***

MONTES CLAROS – A Polícia Militar, ontem, 2, por volta das 07h47min, compareceu na Av. Lauro Dias de Sá, bairro Santo Antônio, nesta cidade, onde, segundo informações havia um policial militar com um indivíduo detido por tentativa de roubo à transeuntes. No local, segundo o policial militar, as vítimas, identificadas, mulheres de 34 e 36 anos, teriam lhe relatado que um indivíduo, armado, teria tentado assaltá-las; que, de posse das informações passadas pelas vítimas, saiu em busca do indivíduo, em seu veículo; em dado momento visualizou um indivíduo, com as características passadas pelas vítimas, o qual foi abordado e identificado, 18 anos; durante as buscas localizou em seu poder 01 (um) simulacro de arma de fogo, utilizado na tentativa do roubo. O indivíduo foi preso e conduzido a DP, com o material apreendido.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85236
De: Manoel Hygino Data: Terça 3/11/2020 07:50:04
Cidade: Belo Horizonte

Em época de Covid

Manoel Hygino

Nada melhor, em tempo de crise como a de Covid, agora, que ler. Vejamos: Longe, aqui, eis o título do novo livro de Maria Esther Maciel, lançado em 2019. Na capa se avisa: Poesia incompleta: 1998-2019, para alegria do leitor, que espera muito no futuro. Aliás, Edmilson de Almeida Pereira, no verão de 2020, observa (é o que leio na orelha): “a edição reitera e reconfigura o conceito de obra reunida, pois no reencontro dos temas marcantes de sua poética”. E há também fragmentos preciosos de sua prosa, que compreende a produção anterior de O livro das sutilezas, O livro de Zenóbia e Triz. Em resumo, trata-se de “um conjunto incompleto, que traz um pouco (ou um tanto) do que escrevi, sob a denominação instável de poesia”.
Nascida em Patos de Minas, Maria Esther Maciel reside em Belo Horizonte, é escritora, professora de literatura e crítica literária, recebeu altas distinções nos maiores concursos literários do Brasil e mesmo no exterior, é colaboradora da Folha de São Paulo, de textos país afora e uma das editoras da revista “Olympio”.
No livro mais recente, em cada página uma surpresa. Boa e bela. Assim, “Zenóbia conheceu na rua uma mulher que vendia palavras. Eram todas inventadas. Encantou-se com lágrimas”.
Ela ama o pai: “um chapéu de palha sem contorno certo/ botinas de couro cru com fivelas soltas / um rádio a pilhas ligado na sala muito cedo / uma camisa de listras finas com dois bolsos / uma bicicleta com cadeirinha dianteira / um balaio de vime cheio de ovos e couves”... Enfim, uma autora que mexe com o coração e o espírito.
Flávia de Queiroz – O costume era os escritores daqui, aqueles que começavam na carreira literária, tomarem o rumo do Rio de Janeiro e São Paulo. As duas metrópoles ofereciam condições de êxito, para os que se decidiam enveredar pelas letras.
Flávia de Queiroz Lima fez o roteiro em direção contrária. Nasceu no Rio de Janeiro, estudou piano no Conservatório Brasileiro, formou-se na Escola de Sociologia e Política da PUC-RJ, participou de movimentos de MPB e festivais da canção, compondo sozinha ou em parcerias, escrevendo coluna em diário carioca. Enfim, transferiu-se para Belo Horizonte, onde exerce os deveres profissionais como socióloga e em consultoria, mas sem deixar a poesia e a música. Daí, produzir o primeiro livro de poemas – “Círculo de Gis, e. em seguida, “Arrumar as Gavetas”, sugestivo título para agradável seleção de poemas, apresentada com gravação musical de composições suas e de André Galastro, também produtor, e José Miguel Wisnik e Edgberto Gismonti.
No livro, “música e poesia nos brindam momentos de enlevo espiritual e artístico, com ilustrações de Pedro Miranda, autor também da capa”. Flávia nos oferece o bom e o bem da poesia – “Minha rua era a beira da praia”.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85235
De: Corpo de Bombeiros Data: Segunda 2/11/2020 7:45:12
Cidade: M. Claros

Na noite deste domingo (01/11/2020), por volta das 20h20min, equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas para atendimento de ocorrência de colisão entre carro x carreta na BR 251, Km 04, em frente ao Posto Bonzão.

No local, tratava de colisão lateral entre automóvel (04 passageiros e 01 condutor) e carreta (01 condutor). USA do SAMU e PRF já estavam no local, sendo que o SAMU já estava atuando na vítima com PCR e a equipe da PFF realizava o controle do fluxo de veículos no local.

As vítimas do automóvel, quando da chegada das GUs BM já estavam fora do veículo, sendo que duas estavam conscientes e orientadas (condutor e passageiro), uma estava consciente e confusa, uma em óbito (atestado pela equipe médica do SAMU) e outra em parada cardiorrespiratória. O condutor da carreta estava consciente e orientado.

Foi realizado atendimento em conjunto (Bombeiro e SAMU), sendo realizada manobras de RCP em uma vítima e avaliação das demais vítimas conscientes/orientadas e consciente/confusa. USA deslocou com vítima ainda em PCR, USB deslocou com vitima consciente/confusa e UR 0328 deslocou com vítima consciente e orientada. As vítimas foram conduzidas para o Hospital Santa Casa em Montes Claros.

O condutor do automóvel e o condutor da carreta (ambos conscientes e orientados) e a vítima em óbito (S. M. O., de aproximadamente 17 anos) permaneceram na cena. PRF permaneceu no local controlando o fluxo de veículos. Perícia (PC) ainda não havia chegado no local quando equipes do Corpo de Bombeiro e SAMU finalizaram os atendimentos às vítimas e se retiraram da cena. (Foto do Corpo de Bombeiros)

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85234
De: Carlos Soares Data: Domingo 1/11/2020 20:06:03
Cidade: Montes Claros  País: Brasil
E-mail: Jeekchan@yahoo.com.br

Alguém sabe porque um Airbus da Fab ta vindo aqui constantemente.De uns 30 dias pra cá ja vi duas vezes pousando e decolando Aeroporto Moc.Procurei sites notícias pra vê se eram autoridades federais algum evento na região,porém não vi nada a respeito

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85233
De: Avilmar Soares Pinheiro Data: Domingo 1/11/2020 11:46:54
Cidade: Francisco Sa/MG
E-mail: avilmar62@gmail.com

Sábado 31/10/20 - 9h07 - (Meteorologia estimou chuva em M.Claros às 10h, mas ela atrasou 2 horas e chegou perto do meio-dia. Em 2 pancadas, até aqui, são 17mm nos estúdios da Rádio 98FM, nos Morrinhos, e 15mm, nos estúdios das rádios Jovem Pan e S. Francisco de Assis, no centro) Bem, a chuva praticamente tamborilou por toda a noite montesclarina, chuva gentil, mansa, suave, que me foi buscar, longe.. Chuva do Natal, que está razoavelmente longe, mas necessitado de vir logo...por muitos motivos. Vejo que todo o horizonte vem encoberto, rebuçado, e que a serraria está mergulhada em novelos de nuvens, e é bom que assim seja. (O nosso maciço, rijo paredão de nossas almas imortais, e que dá nome à cidade, e que injustamente vem ganhando outros nomes que não o seu, (montes claros), o nosso maciço, nossas noruegas, ressurgem, depois de longamente calcinados, inclusive e principalmente pela mão humana.) A chuva, disse, quero voltar de minha passageira indignação, a chuva tamborilou por toda a noite, e segue agora. Segue. (...) Complementando ao mural de Píndaro, sim, A chuva vai seguir, e todos podemos ouvi-la. E ela nos dirá muitas coisas. Segue linda e aprofunda nossos sentimentos, um som incrivel que preenche nossas almas do norte de minas, tanto desejada e pedida, que continue e apague as nossas necessidades sertaneiras

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85232
De: José Ponciano Neto Data: Domingo 1/11/2020 15:10:26
Cidade: Montes Claros- MG

Chuvas que chegam.

As barragens – tanques – açudes já começam render graças as chuvas que caíram. - As barragens de São Domingos – Juramento e **Do Onça, que, abastecem consecutivamente, Francisco Sá – Montes Claros e Bocaiuva estão aumentando os seus volumes de armazenamento.

A MÉDIA de chuva nestas três regiões do Espinhaço - no mês de Setembro foi de 12,0 mm (milímetros) e em Outubro 111,8 milímetros.

Na região de Alto Belo de São José – Rio das pedras – Tira Chapéu – Laranjão – Pau D’óleo e Glaucilãndia de ontem 31/10 até ao meio dia hoje 01/11, já choveu em média 50,0 milímetros. É um bom começo!

A tendência é que até Março 2021 nossa região receberá 960,0 a 1.000 milímetros de águas do céu.

Deus seja louvado!!!

(**) - Significa “Onça Troy” medida na compra dos metais preciosos.

01/Nov./2020
(*) Técnico em Recursos Hídricos; Membro da COMISSÃO DE GEOGRAFIA E ECOLOGIA do INSTITUTO GEOGRÁFICO E HISTÓRICO DE MONTES CLAROS.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85231
De: Píndaro Data: Domingo 1/11/2020 08:24:44
Cidade: M. Claros

Sábado 31/10/20 - 9h07 - (Meteorologia estimou chuva em M.Claros às 10h, mas ela atrasou 2 horas e chegou perto do meio-dia. Em 2 pancadas, até aqui, são 17mm nos estúdios da Rádio 98FM, nos Morrinhos, e 15mm, nos estúdios das rádios Jovem Pan e S. Francisco de Assis, no centro)

Bem, a chuva praticamente tamborilou por toda a noite montesclarina, chuva gentil, mansa, suave, que me foi buscar, longe..

Chuva do Natal, que está razoavelmente longe, mas necessitado de vir logo...por muitos motivos.

Vejo que todo o horizonte vem encoberto, rebuçado, e que a serraria está mergulhada em novelos de nuvens, e é bom que assim seja.

(O nosso maciço, rijo paredão de nossas almas imortais, e que dá nome à cidade, e que injustamente vem ganhando outros nomes que não o seu, (montes claros), o nosso maciço, nossas noruegas, ressurgem, depois de longamente calcinados, inclusive e principalmente pela mão humana.)

A chuva, disse, quero voltar de minha passageira indignação, a chuva tamborilou por toda a noite, e segue agora. Segue.

Esperamos que fique por muito mais, e que ajuíze os homens, perdidos de si em larga escala, afligidos; golpeados principalmente pelo ego, e por circunstâncias, que também vão passar.

Tenhamos esperancas, no plural.

Assim, seja.

A chuva vai seguir, e todos podemos ouvi-la. E ela nos dirá muitas coisas.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85230
De: Manoel Hygino Data: Sábado 31/10/2020 07:38:53
Cidade: Belo Horizonte

Peso do Judiciário

Manoel Hygino

A última semana de outubro terminou deixando no ar, dentre outros problemas magnos que a nação ora enfrenta, a obrigatoriedade ou não de aplicação da vacina contra a Covid-19. Talvez seja o único país no planeta que se veja em tal contingência, não exatamente por dúvidas quanto à importância do procedimento sanitário, mas por notórias e claras manifestações sobre o problema, a começar pela Presidência da República.
Quatro ações foram impetradas no Supremo Tribunal Federal, mas o ministro Ricardo Lewandowski abriu mão de uma decisão monocrática, encaminhando a matéria, objeto de intolerância entre as partes, para exame e definição do colegiado, em data ainda não marcada até o momento desta redação. Para o ministro, a medida se fez indicada diante da “importância da matéria e da emergência de saúde pública decorrente do surto do coronavírus”.
Três ações defendem a vacinação mais ampla ou obrigatória e uma mantém a tese de proibição à compulsoriedade. Mas, o que chama a atenção, é que – mais uma vez – o Judiciário é requisitado a debater e expressar-se, em caráter decisório e final, sobre uma medida que deveria restringir-se aos dois outros poderes.
De fato, o Executivo e o Legislativo, por múltiplas razões, não têm conseguido chegar a um modus vivendi e operandi em numerosos temas. Deste modo, as matérias são submetidas à mais alta corte de Justiça para dirimir questões e propor a solução decisiva. Não se trata, pois, como comumente se considera, de uma interferência do Judiciário, mas de sua convocação em última instância.
A situação presente não seria a indicada e propícia, segundo o ministro-presidente Luiz Fux. Aliás, ele próprio declarou: “Meu sonho é fazer com que o Supremo volte ao respeito da época de Victor Nunes Leal e dos grandes juristas, como Sepúlveda Pertence. Quero o STF respeitado e, para isso, nós criamos várias frentes de atuação no Supremo e no Conselho Nacional de Justiça”.
Não se trata, portanto, de intromissão indevida do PJ nas atribuições do Executivo e do Legislativo, mas de suprir com soluções, diante da falta de habilidade de estes se entenderem, o que é profundamente lamentável. O Brasil ainda não aprendeu a conviver, em termos políticos. Dom Walmor, arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, disse, a propósito, há poucos dias: “tamanho do descrédito com a política é impactante, principalmente, quando se considera a política partidária, incapaz de contribuir na construção de entendimentos que promovam o bem comum, a partir do respeito à sociedade civil na sua insubstituível importância. Reconhecer a importância da sociedade”.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85229
De: Afonso Cláudio Data: Sexta 30/10/2020 17:37:54
Cidade: Montes Claros/MG

Covid-19 em Minas Gerais

Classificação dos números de mortes por 100 mil habitantes, em ordem decrescente, devidas ao novo coronavírus, referentes a 30 dos maiores municípios de Minas Gerais, a partir de dados publicados pela Secretaria Estadual de Saúde, às 10:00 hs de 29/10/2020, uma vez que o Boletim Epidemiológico de hoje, 30/10/2020, não havia sido publicado até as 16h20m:

Classif./Municípios/Mortes/ Mortes por 100 mil habits.

1º Governador Valadares 286 102,1
2º Uberlândia 659 95,4
3º Ipatinga 222 84,4
4º Araguari 96 82,0
5º Cel. Fabriciano 80 72,7
6º Caratinga 66 71,7
7º Teófilo Otoni 98 69,0
8º Contagem 410 61,7
9º Uberaba 205 61,4
10º Belo Horizonte 1.471 58,8
11º Betim 231 52,6
12º Patos de Minas 76 50,3
13º Pouso Alegre 73 48,3
14º Ribeirão das Neves 155 46,3
14º Sabará 63 46,3
15º Juiz de Fora 257 45,2
16º Santa Luzia 96 43,8
17º MONTES CLAROS 170 41,6
18º Ibirité 69 38,3
19º Curvelo 28 35,0
20º Pirapora 18 32,1
21º Varginha 42 31,3
22º Vespasiano 39 30,5
23º Divinópolis 69 29,0
24º Poços de Caldas 42 25,3
25º Sete Lagoas 59 24,6
26º Passos 27 23,5
27º Janaúba 16 22,2
28º Itabira 22 18,3
29º Januária 4 5,9

- As populações dos municípios acima, consideradas para o cálculo e classificação dos índices, são as mesmas das mensagens anteriores, semelhantes a esta e publicadas semanalmente por este mural.
- Percentual do número de habitantes desses municípios, em relação ao do Estado: 43,6%
- Percentual do número de mortes desses municípios, em relação às do Estado: 5149/8916 = 57,7%.
- Montes Claros (17º lugar) está com quase o dobro do índice do 27º lugar (41,6/22,2 = 1,87), posição que ocupava, por exemplo, em 17/07//20, quando iniciamos a comparação entre os mesmos 30 municípios de Minas Gerais (msg 84.903).
- Considerando o número de óbitos de 175, publicado pelo montesclaros.com em 29/10/20, 17h53m, o índice de mortes por 100 mil habitantes deste Município seria 42,8, o que não alteraria sua classificação, desde que os números dos demais municípios permaneçam os mesmos, uma vez que Santa Luzia tem o índice 43,8.
- Os 5 municípios que tiveram os maiores índices: Governador Valadares, Uberlândia, Ipatinga, Araguari e Coronel Fabriciano.
- Os 5 municípios que tiveram os menores índices: Januária, Itabira, Janaúba, Passos e Sete Lagoas.

Continuemos nos precavendo contra o coronavírus, conforme os critérios amplamente divulgados, mesmo que estejam ocorrendo flexibilizações de atividades durante a pandemia, porque esta não acabou e a vacina segura e eficaz ainda não chegou. É bem simples: enquanto o 29º lugar da classificação acima tem o índice 5,9 mortes por 100 mil habitantes, o 1º lugar tem 102,1, ou seja, 17,3 vezes mais.

Deus nos abençoe.

Eng. Afonso Cláudio de Souza Guimarães



Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85228
De: Afonso Cláudio Data: Sexta 30/10/2020 14:34:53
Cidade: Montes Claros/MG

"Mineira de 20 anos, morta com 15 facadas ao resistir a estupro, é declarada beata pela Igreja Católica
Quinta 29/10/20 - 6h48"
Depois de Padre Eustáquio, de Nhá Chica e do Padre Victor, Minas vai ter um quarto beato declarado pela Igreja Católica - uma nova beata. Isabel Cristina Mrad Campos, nascida em 1962, em Barbacena, foi assassinada aos 20 anos quando estudava em Juiz de Fora..."

Cheguei a ver diversos nomes de vários outros possíveis beatos mineiros no "Estado de Minas", mas já foi suprimida essa parte do texto publicado na Internet.
Na Wikipedia, com o título de Santos brasileiros, há uma relação de 37 Santos, 54 Beatos, 17 Veneráveis e 54 Servos de Deus, cujos processos estão em andamento.
No Norte de Minas há alguns nomes que poderiam ser lembrados para possíveis aberturas de processos: Joaquim Nagô (msg 83999, de 31/05/2019), Irmã Beata, Tuia, Padre Henrique, Madre Angélica, Dona Lieta, Padre Frederico, Padre Tadeu, por exemplo, e a Professora Heley, de Janaúba: "Heley de Abreu Silva Batista foi uma professora brasileira. Durante o massacre na escola em Janaúba, deu a própria vida para salvar seus alunos. A professora salvou pelo menos 25 crianças, sendo considerada uma heroína."

Afonso Cláudio de Souza Guimarães

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85227
De: Corpo de Bombeiros Data: Sexta 30/10/2020 12:00:36
Cidade: Montes Claros

SALINAS– (...) Na manhã desta sexta-feira (30), por volta das 09h30min o pelotão de Bombeiros de Salinas foi acionado para atendimento de acidente automobilístico na BR 251, altura do km 335, entre a cidade de Salinas e o Distrito de Vale das Cancelas. No local, foi constatado que se tratava de colisão frontal entre duas carretas, após tentativa de ultrapassagem em local não permitido. Um dos motoristas sofreu uma fratura exposta na patela esquerda (joelho) estando em estado estável (informações do SAMU que atendeu esta vítima). O outro motorista não sofreu lesões permanecendo no local. As carretas transportavam polpas de fruta e papelão prensado (segundo informações, visto que as cargas estavam aparentemente intactas). Uma dos sentidos da via estava interditada, o que resultou em lentidão do trânsito. A Gu BM realizou a segurança, sinalização da via e eliminou o risco de derrapagem devido ao óleo derramado das carretas, utilizando serragens. A polícia rodoviária foi acionada.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85226
De: Afonso Cláudio Data: Sexta 30/10/2020 10:56:30
Cidade: Montes Claros/MG

Pandemia do novo coronavírus

I) Comparação dos aumentos percentuais dos 15 primeiros países da classificação da Organização Mundial da Saúde, em ordem decrescente, referentes às mortes por coronavírus até 30/10/2020, 8h30m e até 23/10/2020, 7h56m:

1º Argentina 8,89% (passou de 27.957 para 30.442 mortes)
2º Rússia 8,32% (de 25.353 para 27.462)
3º Iran 7,78% (de 31.650 para 34.113),
4º França 4,35% (de 34.237 para 35.728)
4º Colômbia 4,35% (de 29.637 para 30.926)
5º México 3,84% (de 87.415 para 90.773)
6º Reino Unido 3,42% (de 44.437 para 45.955)
7º Espanha 3,24% (de 34.521 para 35.639)
8º Índia 3,22% (de 117.306 para 121.090)
9º Itália 3,12% (de 36.968 para 38.122)
10º Estados Unidos 2,52% (de 223.059 para 228.675)
11º Chile 2,36% (de 13.792 para 14.118)
12º Brasil 1,97% (de 155.900 para 158.969)
13º África do Sul 1,70% (de 18.843 para 19.164)
14º Peru 1,11% (de 33.984 para 34.362)

II) Principais destaques: como na msg 85181, de 16/10/20, Argentina (1º lugar desde 21/8/20), Rússia (2º lugar) e Iran (3º lugar).

III) Classificação da OMS hoje, referente aos 15 primeiros países e que inclui casos confirmados, mortes e casos recuperados: 1º Estados Unidos, 2º Índia, 3º Brasil, 4º Rússia, 5º França, 6º Espanha, 7º Argentina, 8º Colômbia, 9º Reino Unido, 10º México, 11º Peru, 12º África do Sul, 13º Itália, 14º Iran e 15º Chile.

Manchetes de 26/10: JN - "OMS afirma que Europa voltou a ser o epicentro da pandemia" e "Segunda onda na Europa: Itália, Espanha e França convivem com novas restrições para conter a pandemia da Covid". RFI: "Imunidade ao coronavírus diminui rapidamente em assintomáticos, diz estudo britânico".
Manchetes de 28/10: G1 - "Mundo registra mais de meio milhão de casos de Covid-19 em apenas um dia e bate novo recorde, segundo agência"; mais da metade destes casos foram registrados em apenas dez países: Estados Unidos, Índia, Brasil, Rússia, França, Espanha, Argentina, Colômbia, Reino Unido e México. Uol - "Quase 40 mil novas mortes foram notificadas durante a última semana no mundo e 2,8 milhões de casos".
Mundo: Casos em 23/10 41.771.162; Casos em 16/10 38.966.868; Diferença = 2.804.294 (maior número em 7 dias desde o início da pandemia). Mortes em 23/10 1.138.206; Mortes em 16/10 1.098.937; Diferença = 39.269

IV) Totais referentes ao Mundo hoje: Mortes 1.182.272 ; Casos confirmados 45.107.107 ; Casos recuperados 30.298.756.

Eng. Afonso Cláudio de Souza Guimarães

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85225
De: Governo de Minas Data: Quinta 29/10/2020 16:57:18
Cidade: Belo Horizonte

DER-MG restringe tráfego de veículos pesados de grande porte no feriado
Cargas especiais também terão limites nos horários de circulação
O tráfego de veículos pesados, incluindo o transporte especial de cargas, será proibido durante o feriado prolongado de Finados. As restrições começam na sexta-feira (30/10) e vão até segunda (2/11). Os critérios foram definidos pelo Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER-MG) para prevenir acidentes nas rodovias estaduais, já que o período registra aumento significativo do fluxo de automóveis.
Neste feriado, o transporte especial de cargas está proibido na sexta-feira (30/10), das 16h às 22h; no sábado (31/10), entre 6h e 12h e na segunda-feira (2/11), das 16h às 22h. A restrição abrange as rodovias de pista simples.
Além da autuação, motoristas que trafegarem em horários inapropriados serão impedidos de seguir a viagem até que se encerre o horário de restrição. Para mais informações, clique aqui.
Para conscientizar os condutores e tornar o trânsito mais seguro, o DER-MG alerta que os principais cuidados começam antes mesmo de sair de casa, com a revisão completa do veículo. Outro ponto importante é a checagem das condições das estradas, que pode ser feita neste link.
Veículos
A Portaria nº 3.846, publicada no dia 29/4/2020, aplica-se às Combinações de Veículos de Carga (CVC), Combinações de Transporte de Veículos (CTV) e Combinações de Transporte de Veículos e Cargas. Nessas categorias, enquadram-se os caminhões do tipo bitrem, tritem, rodotrem, entre outros. Também devem obedecer a determinação aqueles que possuem Autorização Especial de Trânsito (AET).

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85224
De: Policia Militar Data: Quinta 29/10/2020 11:23:03
Cidade: Montes Claros

MONTES CLAROS – A Polícia Militar, ontem, 28, por volta das 17h04min, em continuidade ao rastreamento em decorrência de ocorrência de roubo ocorrido, na madrugada de ontem, 28, na qual 03 (três) suspeitos, 02 (dois) homens e 01 (uma) mulher, tentaram roubar um estabelecimento comercial e efetuaram 01 (um) disparo de arma de fogo em direção às vítimas; ao analisarem as imagens das câmeras existentes no local os policiais militares constataram que o autor do disparo, tinha semelhanças com um suspeito, identificado, 20 anos. Diante da fundada suspeita monitoraram a residência do indivíduo, à rua Dermeval Campos, bairro Vera Cruz, nesta cidade, o qual, ao sair da residência, acompanhado de sua amásia, foi surpreendido e abordado; ao ser informado do motivo da abordagem policial, tentou evadir, escorregou, caiu ao solo, resistiu à abordagem, empurrando os policiais militares, contudo, foi contido, tendo a sua amásia evadido e não foi localizada. A genitora do indivíduo presenciou a abordagem na via pública e acompanhou as buscas na residência, onde localizaram 65 (sessenta e cinco) pinos de substância semelhante a cocaína; 43 (quarenta e três) pedras de substância semelhante a crack; 14 (quatorze) buchas de substância semelhante a maconha; 04 (quatro) tabletes da mesma substância; R$340,00 (trezentos e quarenta reais), em cédulas diversas; 01 (um) revólver, calibre .32, carregado com 04 (quatro) cartuchos do mesmo calibre e 01 (um) cartucho calibre .38; foram localizados ainda 01 (um) notebook, 01 (um) teclado de computador e vários cabos elétricos para computador, equipamentos estes reconhecidos por uma vítima como sendo de sua propriedade, furtados no último dia 12; continuadas as buscas localizaram ainda, em um quarto, 01 (uma) bolsa contendo 25 (vinte e cinco) pinos de substância semelhante a cocaína, R$1.395,00 (um mil, trezentos e noventa e cinco reais), a carteira de identidade de uma suspeita, identificada, 22 anos, e as roupas utilizadas pelo autor quando do cometimento do roubo ao estabelecimento comercial, tendo uma das vítimas, funcionário do estabelecimento, reconhecido as vestes, bem como o indivíduo como sendo o que efetuou o disparo em sua direção na ocasião do roubo. Segundo o autor a arma de fogo foi adquirida em troca de 01 (uma) motocicleta Honda Titan, cor vermelha, que possuía, e desfez-se do veículo após utilizá-lo em um roubo no último dia 19. Ao ser questionado o autor relatou haver vendido 11 (onze) notebook para um indivíduo, no bairro Delfino Magalhães. De posse das informações os policiais militares deslocaram ao citado bairro, em um estabelecimento, onde, abordaram e identificaram um indivíduo, 22 anos, que, ao tomar conhecimento da denúncia, assumiu ter adquirido apenas um notebook das mãos do autor, em troca de peças de moto, tendo adquirido o equipamento sem nota fiscal, e entregou o equipamento, que estava em uso no balcão do comércio. Os indivíduos de 20 e 22 anos, foram presos e conduzidos a DP, com os materiais apreendidos.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85223
De: O Tempo Data: Quinta 29/10/2020 07:06:22
Cidade: BH

Homem é preso após destruir carro da ex com barra de ferro em Montes Claros - A mulher foi perseguida pelo suspeito por cerca de um ano sofrendo ameaças e tendo suas redes sociais invadida - NATÁLIA OLIVEIRA
Um homem de 42 que destruiu com uma barra de ferro o carro da ex-mulher, invadiu as redes sociais dela e fez uma série de ameaças contra a vítima foi preso nesta quarta-feira (28) em Montes Claros, no Norte de Minas Gerais.
De acordo com a Polícia Civil, o casal terminou o relacionamento ha um ano, mas o homem não aceitava o fim e, desde então, perseguia e ameaçava a vítima. "O dano foi filmado pelas câmeras de segurança do local. Usando uma barra de ferro, o homem danificou o carro da vítima e fugiu", contou a delegada Karine Maia.
A mulher conseguiu uma medida protetiva, mas o suspeito descumpria as regras e cometia os crimes. Foi expedido um mandado de prisão contra ele. O homem tentou fugir, mas foi preso.
O suspeito negou os crimes, mesmo com as imagens mostrando que ele quebrava o carro da mulher. Ele foi encaminhado ao sistema prisional.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85222
De: Governo de Minas Data: Quarta 28/10/2020 17:54:22
Cidade: Belo Horizonte

Vale do Aço e Triângulo do Sul evoluem para Onda Verde
Com cenário estável da pandemia no estado, 11 das 14 macrorregiões de saúde estão na categoria mais avançada do plano Minas Consciente
Diante de um cenário de estabilização da pandemia em Minas Gerais, mais duas macrorregiões de Saúde, Triângulo do Sul e Vale do Aço, foram autorizadas a avançar para a onda verde do plano Minas Consciente, criado pelo Governo de Minas para orientar as prefeituras na retomada gradual e segura das atividades.
Com a mudança, deliberada nesta quarta-feira (28/10) pelo Comitê Extraordinário Covid-19, cerca de 80% do estado — o que representa 11 das 14 macrorregiões de Saúde — estão incluídos na onda verde, a mais avançada do plano. A redução de 16% da incidência da doença nos últimos 14 dias contribuiu para esse cenário.
Na onda verde, estão liberados o funcionamento de teatro, cinemas, parques e feiras, por exemplo, a partir do cumprimento de protocolos sanitários com rígidas orientações sobre distanciamento social e práticas de higiene, como uso de máscara e álcool em gel.
As regiões do Triângulo do Sul e Vale do Aço avançaram para a onda verde após passarem 28 dias estáveis na onda amarela. Agora, apenas as macrorregiões Nordeste, Triângulo do Norte e Leste do Sul permanecem na onda amarela, estágio intermediário para retomada de atividades, com abertura de bares, restaurantes e academias.
Neste cenário de estabilidade, nenhuma região está na onda vermelha, a mais rígida, com permissão apenas para funcionamento dos serviços essenciais, como supermercados e farmácias. Para o secretário de Estado de Saúde (SES-MG), o médico Carlos Eduardo Amaral, a redução da incidência da doença e a tendência da estabilidade da ocupação dos leitos permitiram as mudanças.
“Seis meses após o lançamento do Minas Consciente, estamos vendo uma tendência de queda tanto no número de casos quanto no de óbitos. A taxa de ocupação de leitos também está estável e com tendência de redução. É uma ocupação que está inferior a 60% há dez dias e vem se mantendo assim. E vemos que a participação da covid-19 nessa ocupação representa 20% dos leitos. É uma situação equilibrada”, disse o secretário.
Balanço
Até o momento, mais de 650 cidades minerais aderiram ao plano Minas Consciente, impactando mais de 14 milhões de pessoas. Neste contexto, ao menos 517 cidades mineiras com menos de 30 mil habitantes registraram incidência da covid-19 abaixo de 50 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias
Distanciamento e eventos
Outra mudança que passa a valer para o plano Minas Consciente a partir deste sábado (31/10) é sobre as medidas obrigatórias de distanciamento em eventos. Pela nova regra aplicada à Deliberação 17, a distância para cada pessoa deve ser de 10 m² em eventos fechados e de 4 m² em eventos abertos. Em ambos os casos, o número máximo de presentes permitido por evento é de até 500 pessoas. As autorizações para eventos são válidas apenas para a onda verde, sendo que todos os protocolos de proteção, que incluem o uso de máscara e álcool em gel, são obrigatórios.
Segundo o secretário de Saúde, as regras visam proteger trabalhadores e frequentadores de eventos culturais. No dia 1 de dezembro, o Comitê Extraordinário Covid-19 irá analisar o impacto da mudança e, caso seja necessário, poderá propor novas alterações.
“Embora tenhamos um número total maior de pessoas permitidas, quando falamos em 10m² de distanciamento por pessoa em ambientes fechados reduzimos consideravelmente o número de pessoas que poderiam frequentar eventos neste primeiro mês, que é considerado um primeiro passo para o setor. Com muito cuidado e equilíbrio, vamos tentar dar um primeiro passo neste mês para aquecer o setor”, afirmou Carlos Amaral.
MAPAS
Onda verde
As macrorregiões Norte, Noroeste, Jequitinhonha, Leste, Centro,, Vale do Aço, Sudeste, Centro-Sul, Oeste, Sul e Triângulo do Sul estão na onda verde, o que possibilita a abertura de serviços não essenciais com alto risco de contágio. São eles:
- Atividades artísticas, como produção teatral, musical e de dança e circo;
- Cinemas, bibliotecas, museus, arquivos;
- Parques, zoológicos e jardins;
- Feiras, congressos, exposições, filmagens de festas, casas de festas, bufê;
- Parques de diversão, discotecas, boliches, sinuca;
- Bares com entretenimento (shows e espetáculos);
- Serviços de colocação de piercings e tatuagens.
*Para avançar para a onda verde, as cidades precisam estar há 28 dias consecutivos na onda amarela, sem sofrer retrocessos durante esse período.
Onda Amarela
As macrorregiões Nordeste, Triângulo do Norte e Leste do Sul mantiveram índices favoráveis para a abertura de serviços não essenciais, contemplados pela onda amarela. Nesta fase, são permitidos:
- Bares (consumo no local);
- Autoescolas e cursos de pilotagem;
- Salões de beleza e atividades de estética;
- Comércio de eletrodomésticos e equipamentos de áudio e vídeo;
- Papelarias, lojas de livros, discos e revistas;
- Lojas de roupas, bijuterias, joias, calçados, e artigos de viagem;
- Comércio de itens de cama, mesa e banho;
- Lojas de móveis e lustres;
- Imobiliárias;
- Lojas de departamento e duty free;
- Lojas de brinquedos;
- Academias (com restrições);
- Agências de viagem;
- Clubes.

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Mensagem N°85221
De: Afonso Cláudio Data: Quarta 28/10/2020 17:08:14
Cidade: Montes Claros/MG

"Chuva das 14h fez o vertedouro da lagoa sangrar, e foi de 10mm no centro; trovoadas em M. Claros seguirão, garante a meteorologia - Quarta 28/10/20 - 15h38"

Prevenção de acidentes no período das chuvas

Trovoadas são provocadas por raios, tanto pelos que se movem nas alturas das nuvens, como aqueles que se descarregam para a terra. Nesta época das chuvas, tão ansiosamente esperadas e benditas, devemos nos prevenir contra os riscos de acidentes com os raios, ou descargas atmosféricas, não permanecendo em espaços muito abertos, tanto nas cidades como no campo e em praias, principalmente se não houver pára-raios próximos aos mesmos.
O ideal é se abrigar em algum imóvel (casa, prédio) que o proteja das descargas elétricas, jamais embaixo de árvores.
Não ficar próximo, nem tocar em cercas e objetos metálicos, que podem ser atingidos pelos raios, assim como o seu corpo.
Evite tocar em eletrodomésticos e usar o chuveiro elétrico quando houver trovões e raios. O ideal é desligá-los das tomadas, tanto para sua proteção pessoal, como para evitar sua queima. Evite ficar com o celular próximo de janelas porque pode atrair os raios.
Evite passar próximo de árvores que podem cair sobre a rede de distribuição de energia e romper seus condutores, havendo ventos mais intensos enquanto estiver chovendo.
Se estiver passando próximo de cabos elétricos que se romperam e caíram ao chão, considere que estão energizados. Nunca encoste nos mesmos. Entre em contato com a CEMIG (116) para que o defeito seja sanado.
Se estiver dentro de algum veículo sobre o qual caíram condutores da rede de distribuição, não saia do mesmo. Mantenha-se calmo. Permaneça dentro dele. Se possível, ligue para a CEMIG (116) ou para o Corpo de Bombeiros (193), ou peça ajuda de alguém próximo ao veículo para acionar ou um, ou o outro órgão. Motivo: se os condutores estiverem energizados e você tentar sair do veículo, o circuito elétrico é fechado através do seu corpo, causando sua eletrocussão.
Quando perceber a formação de tempestade, com ventos, chuva, trovões e descargas atmosféricas, o mais seguro é se abrigar em alguma edificação ou casa e aguardar a tempestade passar, evitando acidentes tanto elétricos, como desabamentos de muros, ou paredes, ou morros e quedas de árvores, por exemplo.

Afonso Cláudio de Souza Guimarães - Engenheiro Eletricista

Siga pelo Twitter @montesclaroscom Inscreva-se aqui para receber o Maillist
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a

Página Anterior >>>

Abra aqui as mensagens anteriores: